sexta-feira, 30 de setembro de 2011

PORTUGAL NA EUROPA - Tudo em aberto.

 Concluiu-se a 2ª jornada das provas europeias, o balanço foi de 2 vitórias, Benfica e Sporting e 2 derrotas, Braga e Porto, mas a verdade é que tudo continua em aberto, mesmo para os derrotados, os quais continuam a depender apenas de si.
    ZENIT 3 PORTO 1 - Depois da vitória do Benfica na Roménia, a expetactiva pelo jogo do Porto, o qual tinha um grau de dificuldade mais elevado, com um desfecho também ele completamente diferente.
   O jogo começou equilibrado, mas com a equipa portista, aos poucos, a assumir algum controlo da partida, essencialmente porque o Zenit transviava muitos passes ainda no seu meio campo.
   Mas foi numa rápida transição que o Porto se colocou em vantagem no marcador, após um passe longo de Belushi e assistência de Hulk para James marcar, num lance que deixou algumas dúvidas, por possível fora de jogo do jovem colombiano.
   Tal como já havia sucedido com o Benfica, após marcar o Porto recuou, dando a iniciativa do jogo aos russos, os quais agradeceram e acabaram por empatar o jogo, após defesa incompleta e para zonas de finalização de Helton, com a bola ainda a bater em Fucile.
   O empate era de facto o resultado mais ajustado ao que se passava em campo, até que surgiu a prova que faltava, a confirmar a bárbara agressão de que Fucile fora vítima contra o Benfica.
   Ficou provado, que o pontapé de Cardozo foi de tal modo violento, que afectou o cérebro de Fucile, compreendendo-se agora que de um suposto pontapé no rabo, o mesmo se tenha agarrado à cabeça.
   Só mesmo alguém com o cérebro afectado, poderia cometer o enorme disparate que Fucile cometeu, levando à sua expulsão, com uma infantilidade de todo o tamanho e uma burrice que sentenciou o jogo, enfim uma atitude à sua altura e semelhante aos que sai da sua boca sempre que resolve falar.
   Na 2ª parte, com 10 jogadores, só deu Zenit, ante um Porto completamente desorganizado, escapando a uma goleada, tal o número de oportunidades desperdiçadas pela equipa russa.
   Vítor Pereira, em vez de tentar equilibrar a equipa por forma a minimizar o erro cometido pelo seu pupilo, inventou e descaracterizou ainda mais a equipa, ou seja, em vez de fazer entrar Maicon e colocar na lateral Otamendi, que já fez essa posição várias vezes, nomeadamente na selecção Argentina, optou por ali colocar Fernando, completamente inadaptado ao lugar e colocar Sousa que está longe de conferir os mesmos equilíbrios que o seu companheiro de equipa.
  Assim, destapou a zona central e não cobriu a lateral direita da sua defesa, o resultado ficou visível, um Porto incapaz, desorganizado, a ver o Zenit a resolver o jogo com imensa facilidade e mais golos ficaram por marcar, podendo a equipa portista dar-se por feliz por perder apenas por 3 a 1.
   SPORTING 2 LÁZIO 1 - Era sem dúvida, o jogo em teoria mais complicado do grupo e isso confirmou-se, embora a Lázio, esteja longe de ser uma grande equipa, é uma equipa italiana, o que por si só, é por norma sinal de dificuldade.
   A equipa de Alvalade não entrou bem no jogo, nos 10 primeiros minutos permitiu alguns ataques perigosos, em que a Lázio explorou bem os espaços dados entre a sua zona central e o lado esquerdo da sua defesa.
   Rapidamente essa situação foi corrigida com Insúa a fechar mais por dentro e aos poucos a equipa do Sporting foi ganhando o domínio do jogo, acabando por chegar à vantagem numa altura que já dominava o jogo, com um belo golo de Wolsfinkel, a responder com classe a um cruzamento de Capel, aliás, este jovem avançado começa a convencer os mais cépticos, com movimentações muito inteligentes, à ponta de lança, mostrando velocidade e veia goleadora.
   A vantagem no marcador deu tranquilidade à equipa e a verdade é que os italianos já não conseguiam furar a defesa leonina com a mesma facilidade dos primeiros minutos.
   Foi por isso num lance de bola parada que Klose restabeleceu a igualdade, que neste momento não justificava, por isso, o golo de Insúa, belo lateral esquerdo, num bom remate de longe, mesmo em cima do intervalo, conferiu justiça no marcador.
  Na 2ª parte, o jogo começou com a expulsão de Insúa por acumulação de amarelos. entendeu o árbitro por indicação do seu auxiliar, jogada violenta do defesa argentino, por cotovelada, julgo que o lance em si não justificava vermelho directo, porque me pareceu que Insúa tentou apenas com o seu gesto controlar a bola e impedir a progressão do jogador da Lázio, ou seja, sem intenção de agredir, mas a verdade é que o lance é duro e como tal justificava-se o amarelo, que neste caso foi o 2º.
    Temeu-se o pior em Alvalade, o jogo não estava fácil e jogar 40 minutos com 10 poderia tirar equilíbrio e confiança à equipa, só que ao contrário do que aconteceu com o Porto, a equipa leonina não perdeu organização, até porque Domingos não inventou e tinha alternativas no banco ao lugar, assim fez entrar Evaldo e retirou um dos homens da frente, Carrilo, dispondo a equipa em 4-3-2, que conferia alguma coesão, ao mesmo tempo que permitia à equipa saídas para o contra golpe.
  É verdade que a equipa do Sporting acabou por ser feliz e que a Lázio teve boas situações para empatar, mas a felicidade procura-se e a equipa leonina mostrou vontade e espírito de entreajuda que acabou por nunca a deixar expôr-se em demasia.
    Esta vitória, em função da conjugação de resultados, permite ao Sporting encarar com grande tranquilidade o duplo confronto com o Vaslui, pois mesmo perdendo um jogo continuará líder, fruto dos seus 4 pontos de avanço para o 2º classificado do grupo.
BRAGA 1 BRUGGE 2 - Não assisti a muito do jogo, por isso não posso tecer grandes comentários, mas daquilo que vi e pelo que li, julgo que o empate seria o resultado mais adequado ao que se passou em campo, contudo, apesar da derrota, tudo continua em aberto, até porque o Braga terá agora um duplo confronto com a equipa do Maribor, claramente a mais acessível do grupo e ganhando esses jogos, o apuramento fica praticamente garantido.

8 comentários:

Manuel Oliveira disse...

Realmente foi um desastre a exibição do FCP na 2ª parte. Livraram-se duma goleada histórica!
Os outros dois jogos não vi.
Tudo em aberto para todos.

Abraço.

Carlos Alberto disse...

Sim, mas isso é o normal, à segunda jornada está sempre tudo em aberto ainda por cima com os bons resultados da primeira mas tanto o Porto como o Braga podiam ter dados passos larguissimos para a qualificação e antes pelo contrário andaram para trás.

A lagartada é que contratou a 'cornélia' e ainda por cima aditivada

troza disse...

Como diria o meu irmão... o Sporting deixou de inventar (leia-se jogar com o Postiga) e começou a ganhar.

Realmente têm um grande ponta-de-lança e custou-lhes muito pouco. E mostra que enquanto houver garra, vontade e luta, coisas boas acontecem e nem é preciso ter uma equipa tão boa no papel para ir longe.

É isto que tenho pedido ao Benfica e que faltou o ano passado.

Quanto aos outros resultados... Epah, o Braga depois de um resultado histórico perde um jogo em casa... a ver o que isto quer dizer. E o Porto, se não fosse a ajuda externa que teve frente ao Shacktar estaria em muitos maus lençois. De estranhar que num grupo aparentemente facil (e mais traiçoeiro) as duas equipas que são, supostamente, as mais fortes, estejam um pouco mal.

carlos disse...

Gostava apenas de ressalvar o que disse o treinador do braga. A equipa aos 30minutos quebrou fisicamente, é isto que tenho dito à malta que me diz que este ano o braga vai lutar por títulos, falta consistencia no plantel para poder ter oportunidades para tal.

Taças acredito que consigam, mas o título só podiam lutar se forem eliminados da liga europa por exemplo. Secalhar até têm plantel para rodar um pouco, mas a verdade é que não tem sido muitas vezes feito isso, a defesa é quase sempre a mesma a par do meio campo, e o ataque roda, Salino não está o mesmo jogador do ano passado, e não existe um jogador capaz de rodar com baiano ou djamal, bem como alan.

Em relação ao meu Sporting, acima de tudo o melhor ambiente que vi em alvalade nos últimos tempos, e se houve jogo em que o publico venceu o jogo, foi neste, os jogadores acreditaram muito, pelo publico, claro que com sorte à mistura e admito que ha penalty. Já na expulsão acho forçado o primeiro amarelo num festejo.
Alegra-me ver que há solução para elias, e para rodriguez(embora não ao nivel), polga fez um grande jogo. E este ano comprova-se que com Jeffren e Izmailov bons há muitas e boas soluções. Tirando penso eu nas laterais, evaldo é mt fraco, e arias não posso saber porque ainda não o vi jogar. Peço também ao Rinaudo para não se aleijar pois parece-me o jogador mais preponderante do Sporting.

O porto teve um mau jogo, mas que foi mt condicionado pela expulsão, continuo a referir que vitor pereira têm errado muito, se contra o benfica para mim teve erros, no zenit os erros foram por demais evidentes, e já referidos neste artigo. Penso que James nunca poderia sair, mas são opções. A lesão de Kleber faz uma pergunta vir à baila, onde andam avançados no plantel?

Será que sapunaru depois da excelente epoca passada, não é superior a fucile(pelo menos defensivamente, e não equilibra mais a equipa?) fica a pergunta.

O Benfica não vi, pois sinceramente haviam jogos com maior interesse a essa hora, mas pelo que sei resultado justo, mas exibição QB. Gaitan para mim continua a dar mostras do que é, e se muitos dizem que parece alheado do jogo ele demonstra com acções decisivas a importância que tem.

Jotas disse...

Carlos, algumas ressalvas ao teu comentário, sinceramente não ouvi o Leonardo Jardim a falar dessa quebra física, se o fez é grave, porque uma equipa quebrar ao fim de 30 minutos não é muito normal, ainda para mais com a época a começar e numa fase em que só agora os jogadores começam a estar no máximo das suas faculdades físicas, mas também foi isso que notei em alguns jogadores do Porto quer com o Benfica quer em Zenit, mas só a meio da 2ª parte. Também me parece que o Sporting já tem algumas soluções de banco, só não me parece que Izmailov volte a ser jogador, pelo menos de forma continuada, inclusive, alguns jogadores sobre os quais fui muito céptico, começam a dar mostras de valor, casos de Wolfsinkel, que ontem mais do que pelo golo, me impressionou pela leitura que faz dos lances nas suas desmarcações e pela sua velocidade no ataque à bola e Carrilo, grande velocidade, faltando-lhe apenas alguma inteligência de jogo, que ganhará com o seu amadurecimento,julgo que Sapunaru não tem jogado por estar lesionado.

carlos disse...

ele falou em ultimos 30 minutos alias

Sakana disse...

CALOTEIRADA À SOLTA, PEIDOLAS DESAPARECIDO...E MAIS!

www.sakanagem69.blogspot.com

AndyCapp disse...

Em prol da luta pela verdade desportiva e contra a corrupção instalada no futebol português, o grupo de benfiquistas criador do blog Pulpus Corruptus, solicita à administração deste blog, o apoio à divulgação do nosso trabalho junto dos benfiquistas espalhados pelo mundo e opinião pública em geral, procedendo à "linkagem" do nosso endereço: pulpuscorruptus.blogspot.com , o que antecipadamente agradecemos.

Saudalões Benfiquistas

Andy Kapp

 

SEMPRE BENFICA

Loading...
Adaptado por Blogger Benfiquista