segunda-feira, 19 de setembro de 2011

JORNADA POSITIVA - Benfica iguala Porto.

--- Foi claramente uma jornada bem positiva para o Benfica até ao momento, porque viu o seu mais directo rival tropeçar de forma inesperada e cumpriu a sua obrigação de ganhar.
BENFICA 4 ACADÉMICA 1 -  Jorge Jesus, resolveu poupar algumas unidades na equipa, promovendo a rotação do plantel, o que julgo ser necessário e que acabou por resultar, mas se calhar, aqueles que o criticam por jogar sempre com os mesmos e assim dar cabo da equipa fisicamente, serão os que agora vão dizer que Jesus inventou, vamos lá nós conseguir perceber isto.
    Julgo que se assistiu a um jogo interessante na Luz, embora marcado por muitos erros graves de arbitragem, valha-nos que por ter cometido erros para ambas as equipas, a sua influência acabou por não marcar decisivamente o jogo.
   Fruto da boa postura competitiva de uma Académica que mostrou bom futebol, procurando também ela quando na posse da bola atacar, assistiu-se a um bom jogo de futebol, com domínio natural do Benfica.
  Benfica, que entrou no jogo com vontade de marcar cedo, mas o bom posicionamento do seu adversário, que sempre que recuperava a bola saía em ràpidos contra ataques, foi causando alguns receios e bem cedo se deu o primeiro caso do jogo, com o auxiliar de Vasco Santos a dar sinalética de mão de Bruno César, mas marcando-a fora da área.
   É um lance que marcando só poderia ser penalti e aceito com naturalidade que essa infracção devesse ser sancionada, pese embora não haver qualquer movimento propositado de Bruno César e o jogador da Académica que chutou a bola estava muito perto do jogador benfiquista.
   Curioso, foi a certeza que era penalti, por parte daqueles que na semana passada acharam que não houve penalti nenhum por mão contra o Guimarães, critérios que mudam consoante os benificiados e prejudicados.
   Mas foi assinalado livre lateral, do qual nada resultou.
   O jogo estava vivo e numa bela iniciativa individual, Bruno César tirar um adversário do caminho e inaugura o marcador, resultado esse que dava alguma justiça no marcador, até porque Peiser, já havia negado com duas belas intervenções o golo do Benfica.
   Depois deu-se mais um caso do jogo, um remate forte, julgo que de Matic, de fora da área e o jogador da Académica salta para o lance esticando o braço e fazendo mão, penalti por marcar e expulsão.
  O curioso, é que aqueles que acharam que Bruno César fez penalti sem esboçar qualquer movimento com o braço em direcção da bola, são so mesmos que dizem que este lance é complicado e que não é penalti, quando aqui sim, há um claro movimentod o jogador da Académica em direcção da bola, desviando-a da direcção da baliza, lá está, critérios que mudam com a cor do clube, isto é que é coerência!!!.
   A equipa de Coimbra, reagia entretanto ao golo, mas criava pouco perigo, até que num remate potente, à entrada da área, Danilo remata forte e pese embora Artur tenha desviado a trajectória da bola, não a desviou o suficiente e a bola entrou na sua baliza.
  Reagiu de imediato o Benfica e Nolito, numa jogada de insistência, com a raça que o caracteriza, colocou de imediato o Benfica em vantagem, com que se chegou ao intervalo.
  Na 2ª parte, o jogo continuou agradável, partido, embora agora a Académica revela-se um pouco mais de dificuldade em criar situações de perigo, só que com o passar do tempo foi acreditando e como o Benfica não conseguia matar o jogo, foi-se enervando e revelava por vezes alguma precipitação na resolução dos lances na sua defensiva.
   Até que aos 80 minutos, surge o golo da tranquilidade, após saída em falso de Peiser, Aimar deu a estocada final no jogo.
  Com 3 a 1 no marcador e até ao fim, só deu Benfica, que viu Nolito bisar e fazer o 4º golo da sua equipa, numa vitória justa, mas que pela boa postura e qualidade exibicional da Académica, me parece algo exagerado.
  Pela Positiva : o Bis de Nolito e o jogo em si, que foi de qualidade.
  Pela negativa : alguma intranquilidade defensiva que o Benfica demonstra em alguns momentos dos seus jogos.
  Arbitragem de Vasco Santos: Muito negativa e com vários erros graves, o 1º foi  marcar falta a favor da Académica, quando a mão de Bruno César é dentro, depois perdoa um penati a Académica por mão evidente, e em seguida uma agressão bárbara com uma cotovelada em Saviola a passar impune.
   FEIRENSE 0 PORTO 0 - Não assisti a grande parte do jogo, pois tive a ver o Real Madrid, deves em quando mudava de canal.
    Contudo, pelo que ouvi dos comentários de alguns analistas, parece ter sido um jogo com maior domínio do Porto, o que é normal, mas com um Feirense muito bem organizado e a criar também algumas oportunidades de golo em lances muito bem delineados de contra ataque, colocando desse modo a defesa portista em sentido.
   Ouvi ainda, os comentadores da TVI a comentarem um lance em que Bellushi claramente derruba um adversário dentro da sua área, dizendo estes que foi simulação do jogador do Feirense e realmente ele viu cartão amarelo, mas depois de ter visto essas imagens, claramente foi penalti, e é uma vergonha a parcialidade semanal dos seus comentários, uma autêntcia vergonha.
   O facto é que o Porto empatou, com isso o Benfica colou-se a si na liderança, à qual ainda se poderá juntar o Braga, conferindo assim um interesse ainda maior ao clássico que se avizinha.

6 comentários:

troza disse...

E segundo ouvi dizer, o feirense teve mesmo as melhores oportunidades (ouvi falar de uma 2 para 1 com o guarda-redes).

Há de salientar que o Vitor Pereira vai jogar a sua continuidade no porto na próxima sexta... o Benfica tem de saber que é um jogo importante, onde se joga a definição de uma época, pois uma vitória fará subir ao de cimo a desconfiança no treinador do porto. Como o ano passado para a super taça, este jogo vale mais que os 3 pontos. O empate também é bom resultado e, para o Benfica, valerá mais que o ponto conquistado.

dezazucr disse...

Vamos ver como corre.

Os acontecimentos deste fim de semana coincidem macabramente com o sucedido há 2 anos.
Nesse ano ia o Benfica à frente e no jogo antes do clássico empatou em Olhão recuperando os corruptos terreno. A diferença foi que mesmo após essa jornada continuávamos 1 ponto à frente sendo que agora os corruptos se deixaram empatar na liderança.
Outra coincidência advém do facto de termos perdido as nossas alas nesse jogo Di Maria expulso e Ramirez lesionado, levando a que jogasse Urreta contra os corruptos.
Ontem os corruptos perderam o james rodrigues por expulsão, num lance muito parecido com o que expulsou Di Maria.

último! disse...

Boas Jotas, como vai isso?

Em relação ás arbitragens acredito que até as eleições da federação não haverá penalidades contra nós, designios maiores assim o determinam

:)

Carlos Alberto disse...

Foi um fim de semana Glorioso. ehehehe

Manuel Oliveira disse...

Jesus fez bem em poupar alguns. Foi pena tão ter poupado também o Witsel mas seria perigoso frente a um adversário difícil.

Abraço.

Tacinha de Cristal disse...

A tentativa da tentativa.

É preciso pôr todo o regime a trabalhar, senão, lá se vai o túnel aTGVezado com uma velocidade "boa".

Como anda tudo falido, qualquer coisita serve.

O que é preciso é não perder a carruagem da "boa" velocidade.

 

SEMPRE BENFICA

Loading...
Adaptado por Blogger Benfiquista