quinta-feira, 1 de setembro de 2011

PORQUE JÁ É DIA 01 DE SETEMBRO - e Capdevilla

--- Porque já estamos a 01 de Setembro, o mercado de transferências encerrou até Janeiro, se bem, no fundo, o mercado está aberto o ano inteiro, com assédios constantes, a diferença é que apenas se pode efectuar a inscrição dos atletas e consumar a mudança efectiva de clube nesses períodos.
    Muitas foram as novidades no último dia de mercado, em relação ao Benfica, viu-se felizmente, digo eu, pouca actividade, pelo menos ao nível de entradas de jogadores nada de novo surgiu, sinal positivo para a estabilidade do grupo e de que as coisas foram resolvidas atempadamente, algo que há muito não acontecia com  as consequências por todos conhecidas.
   Contudo, julgo que não faria mal mais um central, de qualidade óbvia, porque de facto, quer Jardel, quer Miguel Vítor, não questionando o seu valor, parecem-me ainda algo distantes dos habituais titulares, o que em caso de lesão, principalmente do Luisão, poderá causar um sério problema e uma descompensação de difícil resolução.
   Já em matéria de saídas, saúdo a actuação do clube, muito bem nos empréstimos de Jara e Urreta, sabendo antecipar a renovação dos seus contratos, Jara irá para uma liga forte, com todas as condições para ser utilizado regularmente, algo que o poderá fazer não só evoluir, como até valorizar-se.
   Franco Jara, pareceu-me sempre um jogador com qualidade e entrega notáveis, mas sempre demasiado ansioso em mostrar valor, algo que o penalizou e fazia tomar decisões precipitadas durante os jogos, ali ganhará confiança e com toda a certeza, essa pressão negativa, provando o seu valor em Espanha, não acontecerá na próxima época.
   Já Urreta, era na minha opinião uma opção muito válida para o plantel do Benfica, assim não entendeu o treinador e nisso meus caros, concorde-se ou não, ele é soberano, porque é quem sabe o que pretende da equipa e quem melhor serve os interesses daquilo que pretende, mas ao ser emprestado, foi muito benéfico que fosse a uma equipa como o Guimarães, continuando assim na nossa liga, com tudo para crescer como jogador e ser aposta definitiva em 2012.
   Muito positivo, foi sem dúvida o Benfica resistir à tentação de vender, garantindo desse modo a continuidade de 2 jovens de enorme potencial, Rodrigo e Nelson Oliveira, os quais têm tudo para crescer no grupo e serem opção válida em muitos jogos ainda durante esta época.
   Já o Sporting esteve bastante activo nos últimos dias do mercado, quer em termos de saídas, quer em termos de entradas, garantindo para os seus quadros jogadores de potencial elevado como Insúa e Elias, sendo este último claramente uma opção do actual seleccionador do Brasil e um jogador disciplinado tacticamente, capaz de fechar bem a sua zona defensiva, ao mesmo tempo que faz bem as transições ofensivas, acelerando o jogo da sua equipa.
   O Sporting destacou-se ainda pela surpresa inesperada das vendas de Yannick e Postiga mesmo em cima do fecho do mercado, tão em cima que o Nice, por ter dado entrada da inscrição do jogador na sua Federação com algum atraso, espera agora confirmação da FIFA, para que esta autorize o negócio, o qual renderá cerca de 3 milhões de euros, ficando ainda o clube com 25% do seu passe.
   Yannick, foi sempre para mim um autêntico flop, no entanto, no Sporting foi sempre encarado como uma das jóias da coroa, mas como ficou comprovado é pichebeque, tal o valor a que foi vendido, indo para um clube sem qualquer expressão.
   Mais incrível foi a venda de Postiga, vendido em autêntico saldo, porque quer se queira quer não, é internacional português e muito mal está a nossa selecção quando tem um avançado como titular que vale apenas 1 milhão de euros.
   De facto, não se percebe bem como negoceia a equipa de Alvalade, parecendo que o que queria era livrar-se a qualquer preço destes mal amados dos adeptos, com receio que estes se revoltem também contra si, como o fizeram com tantas outras.
   Julgo que ficou provado, que o Sporting não só não sabe valorizar os seus activos, como o valor de mercado dos seus atletas é muito baixo, um problema que após o investimento de 30 milhões feito esta época, se pode tornar bastante grave em caso de uma má campanha desportiva na presente época.
   Quanto ao Porto, para mim não foi surpresa que o negócio de Álvaro Pereira não se realizasse, porque se sabia que o Chelsea não estava disposto a cobrir a clausula de rescisão e sabendo-se de como é vingativo Pinto da Costa, este, perante o clube em questão que lhe roubou o homem da cadeira de sonhos, não iria ceder um milímetro, o tempo dirá se fez bem ou mal.
   Por outro lado, foi para mim uma surpresa, que após a venda de Falcão, o Porto não tenha contratado um outro avançado, porque está visto que Kléber, não é, está longe de ser e nunca será um Falcão, sendo que Walter, decididamente não entra nos planos do treinador.
    Perante isto, creio que estamos perante 4 cenários:
      O primeiro, é que a aposta do Porto pode passar por usar Hulk ao centro, alternando as alas entre Varela, James e Iturbe;
    O segundo, é incapacidade demonstrada pelo Porto em conseguir um avançado de créditos firmados, não conseguindo concretizar nenhumas das investidas feitas, tendo inclusive, Bendtner, sido dado como certo no Porto pelas 19H00 e anunciado pelo Sunderland às 21H00, algo aconteceu nesta negociação;
   O terceiro e não menos provável, o facto do Porto, sabendo da medíocridade dos seus olheiros, tenha esperado até ao último momento que o Benfica mostra-se interesse num avançado para o contratar, o que nunca aconteceu, deixando desse modo o Porto completamente à deriva e sem ideias.
  O quarto e talvez o mais corecto, é quem tem reforços sonantes como o Benquerença, o Xistra e afins, não precisa de mais pontas de lança.
   No entanto, corre o boato, que mesmo assim o Porto contratou um avançado, chama-se Red Bull, ganhou asas e voou dali para fora.
  Para terminar, dizer que alguns benfiquistas, com a habitual capacidade para criar mais casos no Benfica do que as gentes de fora, lá andam a tentar criar um caso Capdevilla, pelo facto de Jesus não o pretender inscrever na Liga dos Campeões.
   Pois bem, aqui fica a minha modesta opinião:  Julgo que nestas coisas se deve confiar no treinador, ele melhor que ninguém sabe o que pretende da equipa, sabe o momento dos jogadores, conhecendo aquilo que nós nunca conheceremos.
   Se um de nós que escrevemos nessa blogoesfera ali estivesse, certamente tomariam decisões em que uns concordavam e entenderiam e outro não.
  Contudo, confesso que me deixa um pouco espantado o facto de irmos jogar uma Liga dos Campeões com apenas um defesa esquerdo de raíz, atrevendo-me também até a dizer que Capdevilla, nunca foi um jogador pretendido por Jorge Jesus, mas no sentido de dar azo ao que ele pretendia para aquele corredor e não no sentido de birra, na qual sinceramente não acredito, até porque está mais que na hora de os benfiquistas, em vez de andarem constantemente a embirrar com o treinador, darem algum crédito a quem goste-se ou não, colocou o Benfica a jogar o melhor futebol desde há muitos anos e a sensação que tenho é que muitos benfiquistas, devem estar habituados a ver melhor e o Benfica a ganhar mais títulos e presenças seguidas na champions nos últimos anos do que com Jorge Jesus. sinceramente não entendo a razão para tamanha crispação com o treinador, faz-me confusão, é como com o Cardozo, devem ter visto no Benfica muitos avanaçados com 25 golos por temporada de média.

4 comentários:

NSC disse...

De facto, o marrar no Jesus e no Cardozo já cheira mal.

Se calhar, quando os dois saírem do Benfica aqueles que agora os mais criticam são os que mais vão chorar por eles...

Manuel Oliveira disse...

Amigo Jotas, essa dos olheiros do Porto está divinal, eheheheheh.
Também não entendi como não contrataram ninguém, mas eles lá sabem. Só temos de esperar para ver se as contas deles sairam certas ou furadas.
Quanto ao Capdevila também achei estranho e num post em que tentava adivinhar quem seria o preterido disse que não achava que fosse ele pelos mesmos motivos que tu.
Estranhei também a venda precipitada e de borla do Postiga. Não dá para entender!

Abraço.

Carlos Alberto disse...

A piada do RedBull está fantástica. ehehehe

dezazucr disse...

Urreta é que foi muito bem emprestado. Por mim o Guimarães é uma bela equipa para emprestar jogadores, jogam sempre para ganhar e têm uma massa adepta também ela extremamente exigente, o que lhes permite prepararem-se para o Benfica. Se para além disse contarmos com o treinador Rui Vitória que não tem medo nem está condicionado em apostar em jogadores do Benfica (como estão os restantes treinadores dominados pelos corruptos), melhor ainda.

 

SEMPRE BENFICA

Loading...
Adaptado por Blogger Benfiquista