segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

TAÇA DA LIGA - Nacional abate 14 dragões.

--- O novo ano começou com a Taça da Liga e com mais do mesmo, ou seja, mais uma arbitragem absolutamente escandalosa a favor do Porto, que no fundo, mostra que não haverá novidades a esse respeito no novo ano.
      Foi uma vitória heróica da equipa da Madeira, que teve de abater os 11 dragões de azul e branco, mais 3 de amarelo, o que tornou o triunfo nacionalista ainda mais meritório.
    Já todos tinham percebido que está tudo preparado para oferecer a Liga ao Porto, assim como a Taça de Portugal, o que não se sabia é que também estava tudo preparado para lhes oferecer esta competição, mas o tiro saiu pela culatra.
  Percebe-se agora, com a excepção de Mourinho, a razão porque qualquer treinador ganha no Porto e porque razão, ao irem para outros clubes deixam de ganhar, o último exemplo é o do tri campeão Jesualdo Ferreira.
   Portanto, o genro do António Garrido, fez bem o seu papel, valeu a justiça feita pela incapacidade do Porto, que mesmo em grande vantagem numérica sobre o relvado, mostrou que é uma equipa como as outras, assim deixem que o seja.
    No fundo, o que se passou no Dragão não é novidade, é antes continuidade e já não se estranha, o que se estranha é o silêncio sepulcral de alguns indivíduos como o Rogério Alves, Dias Ferreira, Eduardo Barroso e outros que tais, que inventam e visualizam coisas que mais ninguém vê, sempre que o Benfica está na liderança, mas com a palhaçada e a vergonha que têm sido as arbitragens a favor do Porto, mantêm um comprometedor branqueamento e silêncio que os deveria embaraçar, pela falta de coerência, honestidade e que no fundo acabam por dar razão a Paulo Bento, quando este publicamente afirmou que o principal problema do Sporting é caminhar em função do Benfica.
    Admito perfeitamente o penalti do golo do Porto, julgo que qualquer decisão seria aceitável, o que não admito, é que o mesmo árbitro, a 2 metros do lance e sem ninguém a perturbar a sua visão, finja não ver um atropelo de Sereno a um jogador do Nacional, uma evidente penalidade por assinalar, que poderia ter arrumado em definitivo com o jogo e dar contornos de escândalo ao resultado.
   Não sei se se aperceberam ontem de 2 pormenores engraçados: na transmissão deste jogo, mal o árbitro aponta para a marca da grande penalidade, logo os amigos da SportTV, se apressaram a colocar o resultado em 1 a 0, mostrando também eles, saberem fazer muito bem o seu trabalho e depois, no programa só golos, quando mostram os resultados da 1ª jornada desta competição, o resultado do Porto, aparece com 0 a 0, tal a dificuldade deste canal em aceitar a derrota dos seus compadres.
   Para se ver a diferença de tratamento em relação aos lances nas áreas adversárias, nos jogos do Porto e Benfica, tome-se como exemplo a penalidade assinalada neste jogo a favor do Porto, bem menos evidente do que a penalidade sobre Salvio no Benfica - Marítimo e estes lances a par de tantos outros, dizem bem da predisposição doa árbitros em relação ao tratamento desigual para os 2 clubes e que tem feito toda a diferença neste campeonato.
   Para memória futura e para que depois não venham com histórias da carochinha, sabendo que tudo se fará para resolver a contenda a favor do Porto o mais rápido possível, agradeço que fixem isto: Quando a Liga de clubes, com a intervenção dos árbitros, já tiverem resolvido em definitivo o campeonato a favor do Porto, irão beneficiar o Benfica em 3 ou 4 jogos, para que a opinião pública seja moldada e criar a falsa ideia que afinal o beneficiado foi o Benfica e tenho a certeza que mais tarde ainda hei-de espetar com  este parágrafo a muito boa gente.
   BENFICA 2 MARÍTIMO 0 - Já o Benfica, mesmo com um evidente penalti por assinalar a seu favor, venceu o seu adversário,  também vindo da Madeira, de forma justa, com um grande golo de Salvio e outro de Saviola.
   Jesus e bem, pensando nos confrontos futuros, optou por colocar em campo um misto de titulares e jogadores menos utilizados e se é verdade que a equipa demorou um pouco a encontrar-se, com o Marítimo a entrar melhor no jogo, aos poucos viu-se o Benfica a crescer e a arrecadar o domínio da partida, principalmente após o fulminante pontapé de Salvio, um jogador em crescendo e que começa a ser para mim, uma agradável surpresa.
   Com a vantagem no marcador, a equipa acalmou e mesmo sem as rotinas e o ritmo do onze base, tomou por completo as rédeas do jogo e chegou de forma justa ao 2 a 0, por Saviola, após insistência de Gaitan, também ele cada vez mais adaptado à sua nova posição e com a confiança a crescer.
   Na 2ª parte, o principal objectivo da equipa foi o de manter um ritmo baixo na partida, de modo a que os jogadores não acusassem em excesso o natural desgaste da sua falta de ritmo e isso, pese embora uma ou outra ameaça do Marítimo, foi conseguido.
   Se é certo que Pedro Martins apostou tudo e David Luiz foi extremamente importante nos lances de bola parada, onde por 2 ou 3 ocasiões tirou o pão da boca aos avançados insulares, adivinhava-se sempre que o Benfica poderia mais facilmente ampliar a vantagem, do que ver o adversário reduzir o marcador e esse factor foi ainda mais evidente, quando saiu um muito apagado Kardec e entrou um determinado e influente Franco Jara, que demonstrou claramente uma vontade férrea em marcar e que merece bem mais minutos do que aqueles que lhe têm sido concedidos e é essa a atitude que se pede a um jogador que quer mostrar que tem capacidade para se impor no clube.
   Contudo, o resultado da partida não sofreu alterações e a verdade é que o resultado espelha o que se passou no relvado e o Marítimo não merecia maior castigo do que aquele que teve, até pela atitude e futebol positivo que colocou em campo.
Pela positiva: O golaço de Salvio e a entrada determinada de Jara em campo, que merecia ter sido coroada com um golo.
Pela negativa: O penalti evidente que ficou por marcar sobre Salvio e o mau rendimento de Kardec, não aproveitando as muitas oportunidades que já lhe foram concedidas.
 Arbitragem de João Ferreira, foi no geral equilibrada, sensata e com um critério igual, mas pecou num erro grave, felizmente sem influência no marcador, que foi ignorar um evidente penalti a favor do Benfica, nada de mais, foi só mais um.

5 comentários:

magalhães.Sad.SLB disse...

Jotas, excelente título. Assim foi, mais uma vez para não variar. Muda o ano mas os vícios ficam.

Contra tudo e contra todos venceremos. Força Benfica!!!

O que é Nacional é bom!!

troza disse...

Como já disse, é sempre bom começar o ano a ganhar.

Relativamente ao silêncio de algumas personagens, já li algures uma crónica do Zé Diogo Quintela na altura em que o Rui Moreira saíu do trio de ataque em que a critica ia toda para o comentador do Sporting por não ter comentado as escutas do apito dourado. Mostra o que é um Sportinguista vs um reles anti-benfiquista com simpatia para o verde.

O que eu também ponho em interrogação é o silêncio da parte dos responsáveis do nosso Benfica. Por um lado acho que é preferivel estarem calados e ir denunciando pela calada mas, por outro, isto é demais e acho que aquilo que o Mourinho pede aos responsáveis do Real Madrid também devia ser pensado para o Benfica.

E aquele teu paragrafo... temo que seja verdade mais cedo do que tu pensas... a taça da liga também tem servido para isso, já que o único objectivo deles é jogos entre os grandes...

Carlos Alberto disse...

Assino por baixo amigo Jotas.

Incluía na positiva o Airton e na negativa a relação Publico-Peixoto e vice-versa.

Abraço

Tiago disse...

e o bibota Fernando Gomes de manhã na SICN ainda diz que o clube não arranja desculpas como os outros arranjam em que é uma competição desinteressante ou com as arbitragens... pudera! se eles reclamassem das arbitragens sempre que perdem ou empatam, e que mesmo assim se prova que foram levados ao colo (como contra o Guimarães) então aí é que a lata era mais que muita...

Força Nacional! só dependem de vocês para deixar o Porto fora!

Paulo Nave disse...

Estes tipeiros já nem a roubar se safam...espero que seja o inicio do descalabro desta gentinha.
SLB Forever

1 abraço

 

SEMPRE BENFICA

Loading...
Adaptado por Blogger Benfiquista