sábado, 26 de novembro de 2011

BENFICA - SPORTING - Mais que um derby.

     Os confrontos Benfica - Sporting, representam para os seus adeptos mais que um mero jogo de futebol, representa a oportunidade de estar por cima do rival, de poder sempre, em qualquer discussão futeboleira, de poder mandar para cima do outro a palavra ganhamos, faz bem ao ego e ninguém quer perder, é mágico.
    A história está repleta de episódios vários, muitas deles contadas pelos mais velhos, ouvimos também grandes referências do antigamente a falarem ainda hoje de forma apaixonada pelo jogo do ano, na mente dos benfiquistas está ainda presente os 6 a 3 em Alvalade que nos conduziu ao título, na mente leonina está o record dos 7 a 1, resultados e momentos que perduram nos tempos.
   Mas tudo isso é passado, o presente é hoje e hoje temos em perspectiva um enorme jogo de futebol, cujo discurso dos treinadores me faz prever 2 equipas ambiciosas, a quererem vencer e perfeitamente conhecedoras das virtudes e dos defeitos dos adversários, o que deixa antever um jogo aberto e com golos, no fundo aquilo de que o meu povo gosta, como dizia a eterno Jorge Perestrelo.
   Nos últimos 8 jogos o Benfica nunca perdeu, vencendo os últimos 5 confrontos, mas isso pouco representa para este jogo, apenas deixa a estatística brilhante de uma superioridade inquestionável do Benfica na história dos derbies e diga-se que qualquer benfiquista não se importaria de perder um a cada 9 derbies, no futuro daria uma bela média e isso faz também com que a expectativa no adversário cresça, ou seja, ao fim de tanta derrota, algum dia terão de ganhar e a esperança reside sempre no jogo seguinte.
  O espírito reinante nas massas adeptas é no Benfica de confiança nas potencialidades da equipa, conscientes de um jogo difícil, com no geral são este tipo de encontros, mas acreditando sempre na vitória, outro tipo de pensamento será inadmissível num benfiquista, do lado dos sportinguistas, pelo que me tenho apercebido, uma fé inabalável e uma euforia sem precedentes, a questão no jogo de hoje para eles, não é saber se ganham, é antes por quanto ganharão, a fazer lembrar o ano de quebra de jejum antes do jogo em que Sabry silenciou Alvalade, essa tem sido a postura dos sportinguistas no meu trabalho, a ver vamos se assim será.
   Mas há que perceber esta euforia, afinal de contas, o Sporting não é campeão à 10 anos, à 3 anos que não ganha ao Benfica e depois de um crise de valores tão grande, naturalmente vendo-se a 1 ponto da liderança e com a sua equipa a vencer`para a liga à 7 jogos consecutivos, é natural que sintam um tremenda confiança por algo a que decididamente não estão habituados.
   Apesar de todo o mediatismo que este jogo acarreta, a expectativa que está a gerar face ao bom momento das equipas, a verdade é que ele nada irá decidir em termos de título, tal a proximidade que haverá em termos pontuais seja qual for o resultado, contudo, daqui pode sim sair um enorme tónico psicológico, para o Benfica, porque se vencer o derby, após já ter jogado no Dragão, ter tido o calendário mais difícil até ao momento, ter jogados 2 vezes com o campeão inglês e vice- campeão europeu, e sair na liderança, pode representar uma importante vantagem psicológica para os jogos que se seguem, perdendo, julgo que a equipa poderá ressentir-se um pouco e perder aquela vantagem de ainda estar invicta, contudo julgo que uma derrota será sempre mais nociva para  o Sporting, que perdendo, ficando a 4 pontos da liderança, a equipa poderá furaro balão de confiança que o vai enchendo e enfrentar a série de jogos complicados que se avizinham mais desconfiada das suas reais capacidades, mas ganhando e depois de uma boa série de triunfos, pode dar à equipa uma mola de confiança ainda maior que a pode catapultar para uma efectiva candidatura ao título forte e consistente.
    Todos estes factores, poderão vir a fazer muita diferença nos próximos jogos e nas contas do título, mas tudo isto não passa de meras suposições e está muito longe de decidir seja o que for.
     Hoje, pelas 20H15, no Estádio da Luz é que a bola vai rolar e dizer tudo, sobem ao palco 2 equipas que pelos interpretes no campo, têm a obrigação de nos presentear com um jogo intenso, com golos e emoção, no fim, aquele que vencer, vença porque de facto foi melhor, de modo a que com toda a naturalidade se possa dar os parabéns ao vencedor e já agora, que o melhor seja o meu Benfica.

1 comentário:

Tuti disse...

Caro Jotas, excelente post, ao nível do que nos vem habituando.

Saudações Benfiquistas

 

SEMPRE BENFICA

Loading...
Adaptado por Blogger Benfiquista