terça-feira, 8 de novembro de 2011

ALAN O PORCO - Parte II - Exige-se reacção do Benfica.

   Já disse quase tudo o que havia para dizer no sentido de classificar a atitude deplorável de um jogador, que talvez frustado por nunca ter vingado num grande clube, talvez porque deseje ter a atenção que nunca lhe dispensaram, veio a terreiro com acusações graves e maldosas a Javi Garcia, arrastando o seu companheiro de equipa Djamal, Javi que tem como colegas de equipa entre outros, Luisão, Emerson e Rodrigo.
   Será crível para alguém que o jogador benfiquista tenha dito numa longuíssima frase em português claro, ou então Alan e Djamal já dominam o espanhol, algo como: " Preto de merda, desejo que os teus filhos que morram", com a mão à frente da boca e nem uma imagem haja de Javi a tapar a boca, num jogo em que as câmeras de filmar são tantas que qualquer pormenor é detetado.
    Tudo isto tem um objectivo claro, branquear aquilo que se passou e vem passando todos os anos sempre que o Benfica joga em Braga e como resposta às acusações do agora guarda - redes do Benfica, por ter constatado uma evidência à vista de toda a gente, ao afirmar peremptoriamente que sempre que o Benfica joga em Braga acontecem coisas do outro mundo, ora isto vindo de quem ainda na época passada esteve do outro lado da barricada tem a credibilidade de quem tem conhecimento de causa.
   O mais rídiculo de tudo isto é esse porco do Alan, (é o nome mais simpático que arranjo a quem  tem atitudes porcas), dizer que as afirmações de Artur foram a mando dos seus superiores, quando estas foram proferidas logo após o termino do jogo enquanto as suas foram no dia seguinte, ou seja muito mais susceptiveis de terem sido encomendadas e a mando dos seus patrões.
    Perante todo este cenário, com repercussões graves quer a nível nacional, quer internacional, que colocam em causa não só a imagem do atleta Javi, como também da instituição Benfica, impunha-se no imediato uma posição firme da direcção do Benfica.
    Infelizmente, constato que Luís Filipe Vieira e a sua direcção, neste caso em particular, não só não está a defender a imagem e os interesses do clube e dos seus associados e simpatizantes, como está a colocar à frente disso os seus negócios pessoais com o aprendiz de capataz, António Salvador.
    Todo este imbróglio que mancha o bom nome do clube, exigia desde logo uma posição firme do clube, exigindo ao Braga e aos atletas Alan e Djamal uma pedido público desculpas, que ao ser recusado, é razão mais que suficiente, aliada a tantas outras trapaçadas desses trapaçeiros, para um corte de relações institucionais com o Sporting Clube de Braga.
   António Salvador, como é público é um aprendiz de capataz, toda a gente sabe bem quem é o seu mestre e de facto, o Presidente bracarense tem sido um aluno soberbo com média suficiente para entrar na universidade e de lá sair com um douturamento e é por isso que me custa perceber, como é possível, o Presidente do Benfica sentar-se ao lado da porcaria, porque ao fazê-lo, está a sujar-se e sujando-se dessa maneira, é conivente com a porcaria e isso é grave e algo que os benfiquistas em geral repugnam.
   Mais espantoso ainda é depois de tudo o que a direcção bracarense vai proporcionando ao Benfica sempre que este ali se desloca, em que já chegou ao cúmulo do seu speaker de serviço, colocar o público a gritar " SLB, filhos da puta", entre tantas outras enormes faltas de respeito e condutas lamentáveis que em nada dignificam o Braga clube e cidade, venham ainda emitir um comunicado, dizendo que toda a esta situação não coloca em causa as excelentes relações institucionais e pessoais, com o silêncio e beneplácito do Benfica, uma vergonha. 
   Não tendo tido até ao momento uma posição firme sobre esta matéria, nomeadamente exigindo que se prove e leve até às últimas consequências as acusações que imputam ao Javi e movido um processo crime por difamação e calúnia aos jogadores Alan e Djamal, Luís Filipe Vieira não está a ser solidário com o jogador que representa o clube a que preside, nem este se sente defendido pelo clube que representa,  estando desse modo, o próprio Luís Filipe Vieira a desrespeitar o clube e isso é completamente inadmíssivel num Presidente do Benfica.
   Para se perceber a dimensão da vergonha e da impunidade que grassa no futebol português, onde tudo é permitido, branqueado e até defendido por quem o rege, é lamentável, que o Presidente da Liga de Clubes, de todos os clubes, venha rápida e prontamente a terreno defender o Braga e ilibá-lo de tudo o que sucedeu durante a partida, sem que seja sequer aberto um inquérito que apure responsabilidades, absolutamente lamentável e também isto surge perante o silêncio do Presidente do Benfica que para cúmulo ainda apoia um dos envolvidos em escutas do apito dourado para a Presidência da F.P.F. 
   Termino este post destacando algo que julgo ser fantástico para o futebol e que contribui de forma muito positiva para a sua imagem e para a empatia que deve haver entre adeptos e atletas, refiro-me ao jogador do Sporting Capel, é de louvar a sua enorme atitude perante o sucedido aos adeptos leoninos que cairam no fosso, principalmente ao mais lesado, Capel deslocou-se à ambulância que o transportava para o hospital e fez questão de lhe dar a sua camisola em mãos, desejando-lhe uma rápida recuperação, uma atitude nobre que faz com que cresça a minha admiração pelo homem e pelo atleta, um episódio muito positivo e que merece a aprovação de todos os que gostam de futebol.
   Esta camisola que provocou toda a situação, tinha um destinatário e estava prometida a um jovem adepto diabético, filho de um cidadão romeno, cujo seu estado de saúde conhecido após o jogo com o Vaslui, havia sensibilizado o atleta, isso ainda o enobrece mais, este comportamento é a antítese do verificado nos jogadores bracarenses, parabéns Capel pelo teu humanismo.

7 comentários:

BR disse...

Estou à espera desse comunicado desde o fim do jogo... mas para variar acho que é esperar em vão.

Se calhar até é melhor, porque se sair alguma coisa do tipo que disse o ano passado, até me passo: - "Não confundir as gentes de braga com o clube, do qual somos muito amigos"

Carlos Alberto disse...

Há uma estratégia do Benfica de não fazer ondas nenhumas mas... acho que toda a estratégia tem de ser adaptada à realidade e neste caso o silencio do Benfica é uma vergonha!

Abelourinha disse...

Mais um bom Post do Benfiquista Jotas
Assino por baixo.

Pedro A.B. disse...

Os artigos aqui escritos têm-me chamado a atenção pela sua qualidade, como tal "A Catedral do Desporto" vai ser adicionada ao Quadro de Honra do Aliança Benfiquista.

Abraço

águia_livre disse...

Mais um fantástico post.

Aplaudo de pé

Cumprimentos

Jotas disse...

Desde já agradeço os elogios e o previlégio que o Pedro A.B. me concede.
Um grande abraço e o meu sincero obrigado.

Joseph Lemos disse...

E quem disse que não aconteceu,com classe e serenidade?

Está lá, no cantinho.
Abraço

 

SEMPRE BENFICA

Loading...
Adaptado por Blogger Benfiquista