terça-feira, 23 de novembro de 2010

HORA DE CHAMPIONS - a 1ª final

--- Depois dos jogos da Taça de Portugal, em que o Porto precisou que anulassem um golo limpo ao Moreirense para passar, o Sporting mostrou a sua tradicional tremideira e com o Benfica e Braga a verem o seu jogo adiado, eis que para o gigante da Luz, chegou a hora de todas as decisões na Liga dos Campeões, com a primeira de duas finais a ser jogada já na 4ª feira em Israel.
    Obviamente a esperança dos 3 pontos esta bem presente em todos os benfiquistas, mas há que saber que jogar em Israel não se afigura uma tarefa nada fácil, não só porque o Hapoel tem valor, mas porque em casa, com um apoio fanático dos seus adeptos, estas equipas por norma transcendem-se, cabe pois ao Benfica, silenciar aquele estádio.
   O Benfica depende apenas de si, para se apurar, tem de vencer os jogos que lhe faltam, sabendo de antemão que um empate em Israel pode ser insuficiente, embora garanta desde logo um lugar na Liga Europa, que no fundo seria o menos mau.
   Aguarda-se pois com expectativa o desfecho deste jogo, mas essencialmente o comportamento da equipa, que em abono da verdade, diga-se, tem sido muito inconstante ao longo da presente época, o melhor Benfica com toda a certeza vencera, mas o pior pode comprometer as suas aspirações.
   Confesso, que atendendo a este facto, não dou a vitoria por garantida, mas acredito que a equipa se una fortemente em torno deste objectivo essencial quer a nível desportivo, pelo prestigio e o ranking nos melhores da Europa e no plano financeiro, com um encaixe superior ao que ganharia caso atingisse a final da Liga Europa, só por aqui, se percebe a diferença de valores, entre uma e outra competição e o Benfica, se quer ser grande na Europa, não pode desperdiçar esta soberana oportunidade de seguir em frente, eu acredito.
   Hoje entra em acção o Braga, tendo pela frente uma equipa de outra dimensão, o Arsenal e sabendo que a Liga Europa já não lhe foge, a equipa bracarense joga hoje uma cartada decisiva, com a desvantagem de saber, que mesmo vencendo, tal pode não ser suficiente para se apurar, pois em caso do Shaktar vencer o Partizan, precisaria a seguir de ir vencer na Ucrânia por 4 golos de diferença, algo em que nem os mais optimistas acreditam.
   Portanto, para o Braga o cenário ideal para hoje, seria vencer e esperar que os Ucranianos não ganhem, para que tudo se decida na ultima ronda, mas deve-se frisar, que para uma estreia na Liga dos Campeões, garantir a sua continuidade nas competições da UEFA, pode-se desde logo, considerar uma presença meritória nesta prova, inclusive porque poucos acreditavam que o Braga chegasse a esta fase.
   Venha então de la esta jornada e de preferência com vitorias das equipas lusas que dignifiquem Portugal e ajudem a cimentar a nossa excelente performance na presente temporada, com o objectivo bem realista de em 2011/12, Portugal colocar 2 equipas directas na fase de grupos da Champions e uma terceira nas pré -eliminatorias.

2 comentários:

Apanhados disse...

Jesus....não inventes na Terra Santa!

VHugo disse...

Só há um caminho possível!

Ganhar!

http://forcamagicoslb.blogspot.com/2010/11/imitar-o-uleiria.html

 

SEMPRE BENFICA

Loading...
Adaptado por Blogger Benfiquista