terça-feira, 20 de dezembro de 2011

PINTO DA COSTA - A moral de quem sabe do que fala.

      Pinto da Costa, no auge da sua santidade, ou não fosse ele conhecido por Papa, veio a terreiro queixar-se de uma arbitragem que valha a verdade não lhe tirou pontos, aliás, arranjar arbitragens que tirem pontos ao clube que preside é um exercício de memória deveras complicado.
      De facto, a impunidade tem destas coisas, é que se há alguém que deveria ter vergonha, que não tem um pingo de moral para falar de arbitragens, essa pessoa é o Presidente portista.
   Queixa-se com razão de um penalti por marcar sobre Belushi por parte do Árbitro Duarte Gomes, alegando que este foi o mesmo arbitro que marcou um penalti sobre Saviola no jogo que apelidou de jogo do apagão, onde por acaso a sua equipa também marcou um golo em fora de jogo, não mencionado por lapso, bem como dos 3 penaltis contra o Guimarães, até aqui tudo muito bem, como se costuma dizer, dou de barato, tolera-se, só que este senhor, pela conveniência que se lhe reconhece, esqueceu-se de mencionar, que este árbitro, foi o mesmo que foi agredido com 3 peitadas por Belushi e nem por isso veio reconhecer no Facebook que omitiu uma agressão e errou ao não o expulsar, caso que teria forçosamente de dar um severo castigo ao atleta, isto se não fosse usado um truque similar ao usado quando Deco atirou uma chuteira contra um árbitro, ou pelo facto do Presidente do Conselho de Justiça da F.P.F, ser figura assídua no camarote presidencial do Porto.
   Mais, se por não ter sido com o seu clube, não tenha a obrigação de o dizer, lembro  que foi este mesmo árbitro que apitou penalti num Benfica - Sporting num enorme mergulho do Jardel e noutro derby numa simulação do Silva, poderia Pinto da Costa lembrar-se que foi este mesmo árbitro que lesou gravemente o Sporting com 2 expulsões ridículas, num clássico no Dragão e não consta que nessa altura tenha exigido o profissionalismo.
   Mas para exercitar ainda mais a memória do Papa e dos seus paineleiros, relembro ainda que curiosamente, ou talvez não, quando após as 3 primeiras jornadas, os dirigentes leoninos se revoltaram contra as arbitragens, depressa, veio esse pagador de viagens, em defesa dos árbitros, com críticas ferozes aos dirigentes leoninos, alcunhando a crítica de choradinho habitual e dizendo que era preciso ter coragem para ser árbitro.
   Coincidentemente, ou talvez não, logo após as suas declarações, depressa os árbitros iniciaram um boicote aos jogos do Sporting, curioso por isso verificar, que agora, após as críticas que fez a Duarte Gomes, não só os árbitros não façam boicote, como ainda pedem desculpa, é apenas a constatação de um facto.
   Não tenho aqui qualquer necessidade de defender o Sporting neste caso, até porque são eles que o têm de fazer, aliás, Godinho Lopes já veio relembrar isto e criticar aquilo que entende e bem, como uma forma de pressão desta personagem, que até é muito conhecida por diversos episódios relacionados com corrupção na arbitragem, para os jogos que se seguem, nomeadamente o Porto - Sporting, no fundo, este post, serve essencialmente para os sportinguistas que o possam ler, como um alerta, para que de uma vez por todas tirem dos olhos as palas que lhes tolda a visão e vejam quem na realidade os tem prejudicado, muito embora ache isso pouco provável.
   Tudo isto está longe de ser inocente, o timing escolhido para este tipo de declarações é oportuno, surge numa altura em que após um calendário que lhe foi deveras favorável, como é usual, não conseguiu descolar na classificação, sabendo que agora que irá ter um calendário mais apertado, nada como um pedido de ajuda extra, que tantas vezes deram um enorme jeito na conquista de títulos.
     Numa coisa estou de acordo com Pinto da Costa, é o que diz respeito à profissionalização da arbitragem, algo que os grandes e Lisboa defendem há muito e que curiosamente, só agora este senhor se lembrou de defender, espero é que não seja uma exigência sua, a criação de um gabinete por si presidido de aconselhamento matrimonial, algo em que diga-se o Presidente portista, conforme está comprovado, é mais competente que o professor Bambo.

12 comentários:

Manuel Oliveira disse...

Sempre o mesmo discurso, mas que resulta quase sempre.
O Sporting já reagiu como se previa visto ser o próximo adversário.

Abraço.

Carlos Alberto disse...

Passaremos então a ter bandidos profissionais... em vez de bandidos amadores pagos princepescamente.

carlos disse...

Obvio que isto é uma jogada para o jogo do sporting, bem apanhada aquela dos arbitros fazerem logo greve ao Sporting, finalmente percebeste o ridiculo da situação e quem tem sido prejudicado com isso.

Na académica embora o Scp não tivesse perdido por culpa da arbitragem mas sim da concretizaçao, há um penalty por marcar, mas que concordo que é duvidoso para o arbitro, mas sendo um arbitro internacional(um dos tais que fizerem greve) em caso de dúvida irá decidir sempre contra o Sporting, aliás todos os árbitros a partir de agora vão ser assim.

Acho de um descaramento completo este senhor vir falar de arbitragem, e esquecer-se do inicio de época que teve, e que o Sporting teve em termos de arbitragem, simplesmente vergonhoso.

Folgo também em ver que a direcção do Sporting está muito atenta, e eu que fui um dos principais criticos só tenho bem a dizer desta direcção, quero também fazer referencia a um membro da direcçao do benfica que neste momento já aceita com normalidade os erros dos arbitros e diz que deviam ser mais defendidos, e que ficou muito contente com a eleiçao de vitor pereira(gomes da silva é o membro).

Pois bem eu apesar do sportinguismo não fico contente com vitor pereira e muito menos com Luis Guilherme/Paulo Costa, ficava sim contente com uma pessoa que não pertencesse sequer ao mundo dos interesses do futebol(uma pessoa com competencia mas com anonimato).

Atençao que Fernando Gomes foi eleito nem há uma semana e Pinto da Costa já fala

Joseph Lemos disse...

Gangster da Costa e as zurradelas faz lembrar o velho "slogan":
A tradição já não é o que era!

Aquela cabeçorra já perdeu "qualidade". Aposto que já nem acerta o esguicho na sanita.

carlos disse...

http://www.youtube.com/watch?v=4frBLAmmpAQ&feature=youtu.be

Para verem se é perseguição, mesmo jogo, mesmo lance, descubra as diferenças

Jotas disse...

não sei ao que te referes, é que o link que deste no youtube vai-me dar um vídeo de uma música japonesa toda pirosa.

carlos disse...

Olha que não... Põe bem o link ainda agora o pus. São 2 lances uma falta à entrada da área feita pelo pereirinha e marcada pelo mesmo arbitro aos 11 min, e o penalty do insua, para se ver que os lances são no mesmo jogo e não tem diferenças a não ser um marcado e outro não.

Não comentaste o meu post grande

Jotas disse...

Não sei se é penalti, admito que se possa marcar, mas tantas e tantas vezes se vê a acção desses jogadores para proteger a saída da bola ou para proteger o lance de modo a que o GR saía da baliza e agarre, julgo estar muito longe de ser um lance que se possa considerar escandaloso, aliás, julgo que a arbitragem, tal como o jogo foi boa.
O teu comentário anterior nada tenho a comentar, a minha ideia é aquela que retratei no post e a tua opinião é a tua.
Quanto ao link, copiei e colei no Youtube e algo deve estar mal, porque foi dar onde te disse, mas também se vamos ver esse tipo de situações, teremos de ver todos, repito, todos mas todos os jogos da liga, porque isso acontece em todo o lado e mais algum e como bem sabes e na minha opinião bem, tem de haver um rigor maior nos lances dentro das áreas do que fora, essa é a minha opinião, até porque se assim não fosse, os arbitros que apitam aquelas faltinhas da treta a meio campo, apitariam no mínimo 10 penaltis por jogo.

Jotas disse...

A verdade é que no lance que reclamam penalti, ambos os desportivos disseram não ser penalti, embora eu ligeu mais aquilo que vejo do que aquilo que os outros dizem e a verdade é que Adrien não toca na bola, mas também não toca em Insua, é o argentino que já com a posição perdida que mergulha contra a parte de trás das pernas do Adrien, mas também vindo que quem diz que Oneywu sofreu penalti de Jardel nada me admira, aí então, só não vê quem não quer, que é o americano que prende o braço do Jardel e se atira para o chão e se és fã do Youtube para justificar o que dizes, podes muito bem ver lá o lance.

Carlos disse...

A minha dúvida não é a questão de ser penalty, nem quero comentar isso frizei que o Scp perdeu o jogo por culpa própria. O que quero dizer é que um lance é um livre perigosissimo à entrada da área e outro é um lance dentro da área em que a unica diferença é um ser marcado e outro não ser. Tu próprio me disseste que era penalty. Tal como aqui já disseste que este ano o Sporting tem sido o clube mais prejudicado.

O que quis dizer e digo e afirmo é que desde que os árbitros fizeram greve, eu tenho a certeza que em caso de dúvida e na globalidade vão decidir contra o Sporting, sem dúvida. Claro que os lances óbvios serão bem decididos na maior parte dos casos e dos árbitros. Só gostava de neste momento ter os pontos que realmente mereciamos, já que e na minha opinião este ano temos as 3 equipas muito equilibradas, como os derbys até agora isso indicaram, mas apenas 1 dela tem 6 pontos a menos, devido não só ao começo irregular, como também a alguns erros de arbitragem.

De qualquer das maneiras espero que o Sporting possa vencer o Porto, sem casos e sem polémica ao redor.

Ontem pela primeira vez de há muito vi o trio de ataque e tenho de dar a mão à palmatória como o melhor comentador, o senhor do benfica, muito, mesmo muito lúcido e com muito fair play, enfim um exemplo de adepto de todos os clubes.

Referiu que para ele e até há dois ou trÊs jogos, o Sporting tinha sido a melhor equipa a jogar, mas agora com muitas baixas a situação está diferente. Que o Benfica tinha ganho bem com números exagerados e analise os lances sem clubismo nenhum. Gostei mesmo muito, nada a ver com Rui Oliveira e Costa ou com Dias Ferreira ou Rui gomes da Silva

Jotas disse...

o que eu te disse e reafirmei aqui, é que concebia que fosse marcado penalti, embora o Adiren não tenha tocado no jogador, a verdade é que também não tocou no adversário, daí a minha dúvida.

Manuel disse...

No video do Carlos acho que não foi falta em nenhum dos lances. Foi corpo a corpo e os avançados deixam-se cair. Ainda agora vi um lance dentro da grande área no jogo do Manchester bem mais escandaloso e o árbitro não marcou nada. Na minha opinião era penalty, bem mais flagrante do que o do Bellushi.

O que não foi penalty foi o do Hulk hoje contra o Paços. A simulação dos costume. Só assim ganharam.

 

SEMPRE BENFICA

Loading...
Adaptado por Blogger Benfiquista