terça-feira, 28 de agosto de 2012

DO SERVENTIL JÚLIO MAGALHÃES - à equipa B do Benfica e outros.

     Este mundo e nomeadamente o futebol, está invadido dos mais fiéis serventis, Júlio Magalhães, que largou a TVI, para servir as nobres causas do seu patrão Pinto da Costa, é mais um desses serventis, cuja missão de espalhar os conhecidos ideais portistas, vai do Porto Canal às suas intervenções jornaleiras, sempre como o básico é nobre princípio da cultura portista de transformar a mentira até a transformar em verdade.
    Hoje, esse fiel serventil, espalha a publicidade sobre o patrocínio da casa mãe, usando para o facto a subtileza da mentira, que quando acontece, diga-se, caí-se por norma no ridículo e quem se dá a esse trabalho, por muito bem formado que seja, acaba sempre por dar uma imagem de pouca inteligência e de uma dependência própria das pessoas sem personalidade e capacidade própria.
    Hoje, Júlio Magalhães, um dos lacaios de Pinto da Costa, assim muito à semelhança de um qualquer Guilherme Aguiar, vem dissertar sobre o jogo do Benfica, querendo passar a imagem que não fora a arbitragem de Jorge Sousa, hoje os benfiquistas andariam em depressão.
   Para tentar fazer valer os seus argumentos, esse mui fiel servo, não podendo colocar em causa a justeza do vermelho, resolve colocar em causa a honestidade do jogador Amoreirinha, questionando a estranheza de tão dura entrada sobre uma adversário logos aos 8 minutos de jogo, perguntado o que o terá movido a essa acção, deixando nas entre linhas que o jogador foi levado por factores alheios ao jogo a tal atitude.
   Como eu o percebo, lembrando-se com toda a certeza da forma como numa final da Taça da Liga, este mesmo árbitro, tenha permitido toda e qualquer violência dos jogadores da sua equipa, sem que expulsasse qualquer jogador, seja para ele estranho vê-lo agora aplicar a lei, conhecedor de tão obscuras manobras, condizentes com o historial do seu clube e a sua postura no futebol, é natural que sabendo como funciona o seu clube, estando por dentro de todas as artimanhas praticadas no reino do dragão, que esse senhor, ao ver uma entrada daquelas pense que pode acontecer noutras casas o que acontece na sua.
   Mas a serventia vai mais longe, essa personagem dá-se ainda ao luxo de colocar em causa uma comunicação social que na sua ideia branqueia casos do Benfica, enaltecendo as suas vitórias, o que na sua óptica constitui um óbvio pecado.
   Pobre mente a sua, terrível e normal o descaramento de gente da sua iguala, Júlio Magalhães, como homem da comunicação social, sabe bem como ela funciona, basta olhar-se ao espelho e rapidamente perceberia como se presta um bom serviço à causa, se há clube que não tem razão da comunicação social, que é tão bem servido de fieis serventis como ele, esse clube é o seu , ele é um exemplo fidedigno do que afirmo.
   Como já aqui disse, grave não são os comentários de um jogo, grave é branquear-se e ignorar como notícia o dinheiro do estado que por via de uma falsa fundação de nome portogaia entra no clube portista, grave é branquear-se almoços onde ministros, patrão da olivedesportos, o presidente bracarense e o seu estão presentes, no sentido de salvar uma empresa que além de injectar dinheiro no seu clube, ainda lhe dá campeonatos.
    A desonestidade intelectual dessa gente fica bem evidente quando se tenta comparar algo incomparável e comparar a violentíssima entrada de Amoreirinha sobre Melgarejo com a falta de Luisão sobre Miguel Pedro, é um acto de má fé, a tal tentativa de transformar uma mentira em verdade, mas que no fundo só nela caí quem quer ou quem está de má fé e é lamentável verificar que a serventia não nos deixa ser honestos e verdadeiros na análise, mas infelizmente sabemos que à gente que gosta de estar assim na vida e no futebol e disso  Júlio Magalhães percebe bem ou não estivesse ele tão intimamente ligado ao seu clube.
    Mais importante do que as barbaridades desse fiel serventil, é o projecto da equipa B do Benfica, que ontem goleou de forma implacável o Belenenses, até então líder da Liga Orangina.
    Quem me acompanha, sabe que sempre afirmei e mantenho que para mim, mais importante que as vitórias na formação e os títulos por ela conquistados, é sim o de preparar jogadores para integrarem no futuro as equipas principais dos clubes, ora as equipas B não deixam de ser o complemento dessa formação.
   Nesse sentido, o caminho do Benfica é ainda longo, a formação foi uma parte muito esquecida no clube e por isso mesmo, os resultados não podem ser imediatos nem tal deve ser exigido pelos adeptos do Benfica, mas os seus frutos, calmamente começam a aparecer e basta olhar para esta equipa.
    Ao ver o Benfica B, percebe-se que há ali jovens de enorme potencial, que jogando numa liga competitiva como a Orangina, terão uma grande progressão no seu crescimento ao longo da época e é para mim enquanto benfiquista um regalo ver jovens como Ivan Cavaleiro e Miguel Rosa entre outros, a jogarem a um nível fantástico e dando claros sinais que são jogadores prontos para um salto na sua caminhada, isso é muito mais importante que golear o Belenenses ou qualquer outro adversário, oxalá o Benfica saiba tirar o necessário proveito destes jovens talentos.
    A 2ª jornada da Liga terminou ontem, o Sporting perdeu em casa com um Rio-Ave matreiro e que na verdade nunca passou por muitas dificuldades, é verdade que o Sporting atacou, porfiou, mas pouco ou nada criou e se na época passada o mau começo foi conotado com desastrosas arbitragens, com alguma razão diga-se, este ano isso não tem acontecido.
   No fundo, dá que pensar ver um treinador estranhamente venerado pelos adeptos leoninos, dizer que a equipa não está forte mas muito forte, depois de um empate com o Guimarães mais fraco dos últimos anos que foi trucidado pelo Porto, um empate frente a um desconhecido e vulgar Horsens, que ainda agora foi goleado em casa e depois de uma derrota caseira que não oferece discussão possível , é caso para dizer o que seria se o Sporting não estivesse forte.
      Termino com a resposta a uns quantos colegas sportinguistas, tão preocupados se mostraram com Melgarejo, a eles devo dizer que prefiro um Melgarejo lateral a dois Wolswinkel avançados, tal a pobreza técnica de um jogador que é muito mais um marcador de penaltis que um goleador.

10 comentários:

troza disse...

Pois... mas graças a esses palhaços ligados ao Porto é que eles vão limpando a imagem e a nossa direcção nada... enfim... Já disse o caso do ano passado no trio de ataque... aguarda-se a resposta. Verdade seja dita... tudo isto têm sido pior desde que a dupla do gato fedorento deixou de escrever... pois eram dos poucos que defendiam as cores de outros clubes (e fazem ambos falta aos dois clubes gajos que os defendam assim...).

Quanto à equipa B... vamos lá ver o que sai dali. Mas gostei de ver jogadores da equipa A a rodar por lá... é sinal de que a equipa B está pensada para os míudos que saiem da formação e a malta da equipa principal que não joga muito mas faz falta ao plantel.

E o Sporting... não tenho visto nada. Disseste bem... o ano passado começou mal por causa dos arbitros, depois alinharam e no fim do reinado de Domingos as coisas ruíram e ninguém sabe bem porquê. Estranha-se ainda que este Sporting com pré-época não dê continuidade aos bons resultados do ano passado. Será azar na hora da finalização? Não sei. Será que a direcção deu um ano a Sá Pinto só a pensar no crescimento da equipa, agora que finalmente limpou o balneário de alguns cancros como o Polga? Era o que eu faria.

Um Sporting capaz de competir por títulos e forte é necessário para bem dos Sportinguistas, da verdade desportiva e do Benfica. O Porto já têm muita força, um clube muito forte como aliado mas só não consegue lidar muito bem é com dois clubes a rivalizar com eles. Curioso, ou não, o Porto só voltou a ganhar desde que o Sporting entrou em crise em 81, passando também periodos com o Benfica em crise... E sempre mostrou mais dificuldade a lutar contra 2 do que contra um (2002 com o Boavista e Sporting, 2005 com Benfica e Sporting, 2010 com Benfica e Braga, apesar do Braga ser um aliado - e continuo na minha que o Braga com as ajudas todas que recebeu dos arbitros podia ter mesmo ganho o campeonado se não tivesse deixado o Porto ganhar-lhes no dragão, a jogar com metade da equipa suplente - e o ano passado até que o Sporting ficou arrumado de vez nunca esteve na frente).

Anónimo disse...

Acertaste em pleno em tudo.

Miguel

carlos disse...

Jorginho só comento porque falaste no Sporting.

Mudaste mt a opiniao do Wolfswinkel já vi. Eu continuo a gostar dele, apesar deste inicio estar claramente mal. Sinceramente critico bastante algumas opçoes do treinador essencialmente o meio campo, mas não posso deixar de referir que em alturas que é preciso experiencia e cal de primeira liga a média de idades da equipa principal no fim do jogo seja de 22 anos e se tirarmos o boularoz de 21 anos. Provavelmente o João tomás tem mais minutos de primeira liga que o onze que acabou o jogo de ontem no Sporting o que é inadmissivel. Polga bem ou mal era um desses jogadores que transmitia experiencia à equipa, este ano os jogadores capazes disso, estão no banco ou não são opções(Rinaudo,Schaars e Pranjic), sinceramente começar um jogo com uma média de idades d 23 anos e acabar com a média de idades referida é proprio de Equipa B, e falando em Equipa B existe qualidade mas será aproveitada? Penso que nesta politica não.

Acho que o Sporting fez boas aquisições, mas não pode estar à espera que recorrendo num jogo daquela natureza a andré martins, Labyad e Viola como Salvadores da Patria. Estes miudos tem de ser lançados aos poucos e não para resolverem problemas caoticos

troza disse...

Bem escrito Carlos... Eu ainda não tinha visto mas é estranho que elementos como Rinaudo e "Cheers" estejam no banco este ano sem jogar.

O Wolfscoiso é bom avançado (não é para ofender, estou com pressa e não fui ver como se escrevia correctamente) e rende (tendo em conta o preço que foi então rende bastante), mas tal como todos os avançados tem dias bons e maus. Não se pode contar que seja sempre um dia bom... ou então ele seria um Van Persie (mesmo assim, nem sempre as coisas correm bem). E sim, a experiência é precisa mas não podia ser pelo Polga, que estava claramente a mais no Sporting.

Carlos Alberto disse...

Este não foi um post forte... foi muito forte!!!

Ups... é melhor não que isso é mau sinal. eheheheh

Cumprimentos Benfiquistas

Anónimo disse...

caro jotas andas a falhar... então pões a nu as mentiras do director do canal Porto e não expões a maior mentira que reside naquela crónica de autêntica lição de desonestidade intelectual: a de indicar que o fora de jogo do maicon o ano passado na Luz é igual ao fora de jogo do Melgarejo no Bonfim: Milimétrico!

Como é possível comparar o incomparavel? Só mm aqueles adeptos, para justificarem os seus beneficios corruptos!

Manuel disse...

Se esse imbecil de facto disse isso, um director de um canal de TV vir com insinuações falsas e torpes, sujando a imagem e a honestidade de um jogador profissional é indigno de um profissional da CS. É próprio de um porco. Está a ver-se ao espelho, que é o que eles costumam fazer, insinuar sobre os outros aquilo que eles próprios fazem.

Eu se fosse ao Amoreirinha processava o idiota, que teria de provar em tribunal as suas sujas insinuações.
Já imaginaram o Palacin na BTF a fazer o mesmo sobre os jogadores adversários dos andrades? Eu não imagino nem concebia tal coisa!




Minha Chama disse...

Pronto,

Esse cromo que quis ser cantor mas viu as portas fecharem-se...

A tvi mandou-o pastar e ele diz que saiu pelos próprios pés para aquele canalzeco...

O que podemos esperar de um dos cãoes amestrados do sistema...

É o ogre do serrão, o ervas do guedes, a meretriz da araújo, a cadavérica da judite de sousa o gollum do tavares... Tudo pronto e estilizado para mais uma época a vomitar alarvidades aos pobres portugueses.

É aqui que temos de cerrar fileiras e fazer muita força nas feridas deles... vocês sabem que doi que se farta... é pressionar sempre... sem parar até sangrar.

Benfica para mim é união... não está fácil mas é assim que eu penso.

Jotas, tens razão quando escreves que"a serventia não nos deixa ser honestos e verdadeiros na análise"... Mas nestes casos acho mesmo que já é uma questão de personalidade...

Mas como diz a sabedoria popular: mais depressa se apanha um mentiroso do que coxo. O Apito dourado já foi um passo...

Força Benfica... SEMPRE

angolanovermelho disse...

O MINUTO 58
"Minuto 58 do FC Porto-Vitória de Setúbal. De uma assentada, Leandro Lima e Bruno Gama foram substituídos por dois colegas de equipa. Coincidência ou não, Leandro Lima e Bruno Gama, jogadores emprestados pelo FC Porto ao Setúbal, estavam a ser os dois jogadores mais perigosos dos sadinos. Coincidência ou não, o jogo que estava empatado ganhou outra vida quatro minutos depois com o primeiro de dois golos de Lisandro (2-0). O tiro no pé de Carlos Cardoso deu uma segunda vida ao campeão nacional".
Em "Publico" 26/04/2009
Que dirá ele disto?
Saudações Benfiquistas

Manuel Oliveira disse...

Concordo plenamente com tudo o que dizes desse Júlio Magalhães!
Quanto à equipa B do Benfica, é até ao momento a única das B que encanta e cada vez puxa mais benfiquistas para ver os seus jogos.

Abraço.

 

SEMPRE BENFICA

Loading...
Adaptado por Blogger Benfiquista