quinta-feira, 7 de outubro de 2010

CARTA ABERTA DE APV - E ainda um alerta meu.

"Caros amigos,
Fico subjugado com tantos comentários. Na verdade, eu não fiz nada de extraordinário: limitei-me a dizer aquilo que qualquer pessoa de bem pensa, perante escutas que foram, na altura, devidamente autorizadas por um juiz de instrução e que, inexplicavelmente (a não ser por intervenção de forças exteriores à justiça) não foram tidas em conta pelos tribunais civis e levaram à absolvição de todos os arguidos.
Ao contrário do que se passou na Justiça Desportiva, que agiu em conformidade com a Lei e o Estado de Direito (os arguidos, perante os indícios de crime, foram acusados por um instrutor e julgados pela Comissão de Disciplina, com direito a defesa e prova, para que se respeitasse o exercício do contraditório, e foram punidos dentro do que a moldura penal permitia), os tribunais civis desvalorizaram as escutas e o testemunho de Carolina Salgado e ilibaram os acusados.
O país inteiro que se interessa por futebol e que não está de má-fé, ouviu e confirmou o que há muito se suspeitava: que, durante anos, houve batota no futebol português e a intervenção ilegítima de um clube - o F.C. Porto - sobre a arbitragem e a disciplina.
Sou benfiquista desde que me fiz à vida, os meus filhos e netos são benfiquistas; e, para além da paixão clubista, que é irracional e inexplicável, o que o Benfica representa para mim, para além de festejar as vitórias e sofrer com as derrotas, é o exemplo como clube: um clube onde sempre houve eleições, um clube popular mas que atravessa todas as classes sociais, que tem adeptos em todos os países e em todos os cantos do Globo, que sempre foi um exemplo de democracia e de liberdade, e que soube correr a tempo com os que quiseram desviá-lo dos seus princípios, como foi o caso, de má memória, de Vale e Azevedo.
Uma coisa eu tenho por certa, e por isso me surpreende e me indigna a atitude dos que condenam a divulgação das escutas e não o que lá se ouve: se, algum dia, um presidente do meu clube ou alguém em seu nome, dissesse ou fizesse metade do que se sabe agora que foi dito e feito pelo presidente do F.C. Porto e pela sua entourage, eu pedia a sua demissão e não descansava enquanto ele não se demitisse.
E a razão porque me orgulho de ser benfiquista, é que tenho a certeza que a esmagadora maioria dos benfiquistas pensa e faria como eu. Assim como sei que nunca, por mais razões que tivesse para isso, o Benfica se comportaria como alguns adeptos do F.C Porto (friso o "alguns", porque conheço imensos portistas do Norte, que são gente de bem, cordata e pacífica), que agem perante o silêncio e mesmo a cumplicidade dos seus dirigentes, se comportaram nestes últimos anos e continuam a comportar, quando o Benfica vai jogar à sua cidade. E se os imitassem, estou certo que seriam repudiados pela direcção e pela maioria dos benfiquistas.
É isso que nos distingue, e é pior isso que o Glorioso é, para mim e para os meus filhos e netos, uma paixão e um exemplo.
Saudações benfiquistas.

A-PV"
 
--- Como diz e bem o nosso António Pedro Vasconcelos, estranha-se que se condene as escutas e não se condene o conteúdo.
   Mais uma vez pelo excelente serviço prestado não ao Benfica, mas ao futebol português, o meu muito obrigado, os benfiquistas acompanham-te nesta luta para desmascarar o enorme polvo que se está a reerguer e é essa evidência que muitos tentam branquear, mas nós benfiquistas estamos atentos e tudo faremos para impedir o seu ressurgimento, denunciado as tenebrosas manobras que estão à vista de todos, infelizmente algumas com o apoio do nosso Presidente, que errou de forma grotesca no apoio a mais um serventil do Padrinho e não é preciso pensar muito, basta reparar no seguinte:
   Correu na Liga com os únicos que tiverem a coragem de combater a corrupção e de aplicar com verdade a Justiça, colocando no seu lugar (Conselho de Disciplina), homens da sua inteira confiança, que por coincidência é composto por uma maioria de pessoas do Porto ou com ligação ao Porto.
   Trocou a final da Taça da Liga para o estádio que há muito é pedido por Pinto da Costa.
   Ridículo o castigo aplicado a Villas Boas pela expulsão de Guimarães, julgo que pecuniariamente foi o mais baixo de sempre (250€).
   Tal como aconteceu com Fernando Gomes, que se incompatibilizou!!! com Pinto da Costa 2 meses antes de se candidatar a Presidente da Liga, Vítor Baía simula também uma incompatibilidade com o seu Presidente e tal como previ em vários posts neste espaço, apresta-se para se candidatar à Presidência da Federação Portuguesa de Futebol, local que voltará a assumir as rédeas da disciplina e da arbitragem do futebol português e cujo exemplo dado pelo Conselho de Justiça, também ele presidido por um ilustre portista, com camarote e tudo, não deixa antever nada de bom, até porque que eu me recorde, ainda não houve um recurso do FC do Porto a que não desse provimento.
   Perante estes factos evidentes, só espero que os benfiquistas o denunciem de forma veemente e célere, antes que o clube da corrupção, volte a assumir com totais poderes as rédeas do futebol português, do modo que as escutas bem nos elucidaram e com as consequências evidentes para todos.

5 comentários:

Viriato de Viseu disse...

Boa malha!!!

carlos disse...

queria apenas referir que gostei imenso da grande entrevista do Presidente do Sporting ao programa da Judite de Sousa, demarcando-se dos rivais e dizendo que em relação a esse assunto 2 coisas verdadeiras. Que é ilegal as escutas estarem transcritas e é de muito mau tom que isso seja divulgado uma vez que até eu neste momento posso tar a ser escutado e há conversas pessoais que nao gostava que me escutassem.
Segundo aspecto apesar de transcritas ilegalmente o conteúdo é deveras assombroso sendo que o presidente do Sporting referiu que não se pode deixar de opinar sobre o conteudo. Ou seja 2 verdades.

Gostei imenso também dos ataques à comunicação social, e sinceramente gostei também de ele ter dito que o Sporting é o clube que com ele tem contribuido para a paz social, somos de facto o clube simpatico e limpo de nada nos tem valido, mas gosto de ser de um clube assim, mas infelizmente o nosso país é dominado por Xico-Espertos e não por pessoas inteligentes e competentes daí estar Portugal no estado em que está o futebol encontra-se igual. Como se ve os xicos espertos PC E LFV e valentim e outros que tais dominam o nosso futebol e nós somos o clube simpatico

Jotas disse...

Carlos, a minha resposta está no post anterior, apenas afirmo que caso não saibas não se escutam conversas de alguém que não é suspeito de nada, essa tua comparação é apenas e só absurda e que quando um suspeito da prática de um crime é escutado, apenas conta o que de facto interessa para a investigação, o resto é prontamente apagado.
Acho ainda estranho que como dizes, dominando o LFV o futebol,que me primeiro lugar só tenha ganho em 8 anos 2 campeonatos, muito pouco para quem dmina e que o último presidente da Liga tenha sido sportinguista, o de arbitragem idem e que continuem a fazer parte como sempre o fizeram da direcção da Liga, por isso cuidado com os anjinhos.
Contudo no geral, julgo que a entrevista de JEB não foi má, mas obviamente fragilizada por uma política desportiva para o futebol que julgo ser confusa e que grande parte do próprio universo sportinguista tem tido dificuldade em perceber e que JEB não conseguiu explicar. Mas para um clube certinho, só com gente de bem que tu gostas tanto de exaltar, estranha-se que como diz o teu Presidente, os grandes inimigos do teu clube sejam internos.

Bimbosfera disse...

Grande malha 2!

Agora também para o Carlos, o Jotas demonstrou bem o que é nossa influência. E o teu presidente mostrou bem o que são os motivos que vos movem, ficar, tão-só, à frente do 2º, e esse somos nós. Quem quer ficar em primeiro, disse ele, só tem que passar o segundo, claro, pois quem passa o segundo fica em... segundo. São uns tristes, e enquanto tiverem Oliveira e Costas a defenderem-vos nos Trios D'Ataque ao Benfica, a lamber, à vez, os tomates aos representantes do Porto no programa, simplesmente numa posição anti-Benfica, nem que para isso se seja anti-verdade, aquela verdade que o Dias da Cunha queria para o futebol (onde vai ele, bem longe, o que é bom é Francos, Ferreiras e Bettencourts) e isso vocês já não querem...
É convosco. Sugiro, como já li por aí, que vão buscar o engenheiro que resgatou os mineiros do Chile para o lugar do Costinha, que para sairem do buraco que estão, bem, se não saírem antes do Natal, para o ano fazem derbys de novo com o Belenenses, mas na segunda!

Abraço

Márcio Guerra, aliás, Bimbosfera

Bimbosfera.blogspot.com

Anónimo disse...

Il semble que vous soyez un expert dans ce domaine, vos remarques sont tres interessantes, merci.

- Daniel

 

SEMPRE BENFICA

Loading...
Adaptado por Blogger Benfiquista