domingo, 10 de janeiro de 2010

VITÓRIA SUADA, MAS JUSTA - Em mais uma noite de Saviola.

---- Termina a 1ª volta, com Benfica e Braga a darem uma clara demonstracção de força, vencendo com mérito e justiça, ficando mais uma vez claro, que o Benfica anda a ser levado ao colo pelos seus imensos e fantásticos adeptos, espalhados por esse país, também eles são mais uma vez vencedores.
RIO - AVE 0 BENFICA 1 - Foi um jogo de entrega e luta, com as equipas muito juntas e por via disso, com poucos espaços, fruto do excelente posicionamento táctico de ambos os conjuntos.
   Na 1ª parte, foi um jogo em que as preocupações defensivas se sobrepuseram as ofensivas, com o Benfica a ter mais iniciativa de jogo, mas a esbarrar sempre numa equipa bem destribuída e organizada, este Rio-Ave, provou o que se antevia, atendendo à relação de qualidade dos seus jogadores, sem ter grandes nomes ou desiquilibradores, é seguramente uma das mais bem organizadas formações do nosso país e por isso também está de parabéns.
    Neste período, quase não houve situações de golo, que me recorde, apenas um lance de Ramires, que de ângulo complicado não conseguiu dar o melhor seguimento ao lance e uma perda de bola de Maxi, que proporcionou aos vilacondenses a sua única situação de golo em todo o jogo, diga-se a mais flagrante.
Na 2ª parte, uma acentuada melhoria na qualidade de jogo, principalmente no Benfica, que a dominou a todos os níveis e em todas as faixas do campo, num exibição mais segura e personalizada do que espectacular, como se previa e impunha.
   Os comandados de Jesus entraram a ganhar, na sequência de um pontapé de canto, com Saviola a corresponder da melhor maneira a um desvio ao primeiro poste, num golo feliz, mas difícil, cuja a execução técnica de abordagem à bola é de craque, apesar da felicidade, fez por a merecer, atrevo-me mesmo a dizer, que 90% dos jogadores, atiravam aquela bola para a Lua, tala a forma e a altura com que a bola vem.
   Esse golo logo aos 2 minutos do 2º tempo, deu ao Benfica a tranquilidade que precisava, obrigando o Rio-Ave a abrir mais espaços e a correr riscos, facto esse muito bem aproveitado pela equipa, que soube ter bola, explorar os espaços que começavam a aparecer e a criar algumas situações de perigo, embora sem se ver muitas oportunidades ditas flagrantes, mas o perigo rondava apenas a baliza dos vilacondenses, que neste periodo, nunca se encontraram, nem criaram a Quim qualquer problema, fruto da pressão em zonas adiantadas efectuada pelos jogadores encarnados.
    O resultado de 1 a 0 é sempre perigoso, um lance fortuito ou de bola parada, pode dar o empate, mas a verdade é que até ao final da partida, adivinhou-se sempre o 2 a 0 e nunca o 1 a 1, pelo que a vitória do Benfica foi inteiramente merecida, com mérito e com uma ajuda externa que muitos gostam de referir e que tenho de lhes dar razão, realmente a ajuda vinda das bancadas, em comparação com a dos seus clubes, é impressionante e desonesta, pois a jogar fora, parece que jogamos em casa.
Pela positiva, Saviola, de facto um jogador de eleição e a inteligência e maturidade de jogo demonstrada pelo Benfica, pela negativa, a desinpiração de Di Maria, muito fora do jogo nesta partida, longe do desiquilibrador com momentos mágicos de muitos outros jogos.
Arbitragem de Bruno Paixão, muito positiva, numa partida sem grandes casos em que os jogadores lhe facilitaram a tarefa e ao contrário do que é costume, desta vez não complicou. Dúvidas no livre indirecto contra o Benfica, pareceu-me que Quim nunca teve a bola nas mãos, Não há penalti sobre Sidnei, ajuízou bem e na simulação de penalti de Saviola, ficou o amarelo por mostrar, nada que manche em demasia uma actuação segura.

SPORTING 1 LEIXÕES 0 - Apenas vi a 2ª parte deste jogo, marcado pelas estreias de João Pereira e Pongolle, mas pelo que já li e pelo resumo no canal 1, curiosamente e apesar do seu domínio constante, o Sporting foi superior na 1ª parte que na 2ª parte e esse é o melhor elogio que lhes posso fazer, pois  já achei que fizeram uma 2ª parte cheia de personalidade e vontade de ganhar, com alguns bons momentos, então se jogaram melhor antes, é porque mereceram inteiramente uma vitória que pela minha perspectiva pecou por escassa e só não digo que esta foi a melhor exibição que vi o Sporting fazer esta temporada, porque o adversário é frágil, muito longe do da temporada passada, valendo-lhe um guarda - redes inspirado.
    Na 2ª parte, a que eu vi, o Sporting não entrou muito bem, o tempo corria contra si e a equipa mostrava querer e vontade, mas muita percepitação no último passe, mas apesar disso ía incomodando um inspirado Diego, mas não com a intensidade demonstrada após uma expulsão algo forçada de Gallo.
    A partir desse momento e a jogar em superioridade numérica, o Sporting que já estava bem, ficou ainda melhor, pressionando e acreditando ainda mais que o golo surgiría, mas Diego, com uma exibição memorável (os guarda-redes de engate são assim), adiava o golo com intervenções de grande nível, que me recorde a remates de Izmailov (2), de Pongolle de mais um ou outro jogador que não me recordo quem.
    O desespero dos adeptos leoninos começava a apoderar-se de si e parecia que Diego não iria deixar o Sporting marcar, mas perante tantas oportunidades, o inevitável teria de acontecer e foi na sequência de um canto, que Tonel (quem haveria de ser), com um cabeceamento muito colocado, coloca justiça no marcador, dando os merecidos 3 pontos à sua equipa, neste lance nem Diego pode valer aos homens de Matosinhos.
  Pela positiva, a exibição de Diego, as 2 grandes intervenções de Patrício em momentos decisivos e a atitude dos jogadores do Sporting, pela negativa, o relvado (Benfica e Sporting têm de mudar) e a desisnpiração de Postiga, um jogador em grave crise de identidade.
Arbitragem de Paulo Baptista, positiva, sem erros no plano técnico, seguro, dúvidas apenas o possível exagero na expulsão de Gallo.
PORTO 3 U. LEIRIA 2  - Um jogo com bons momentos de futebol, com uma U. Leiria atrevida, mas irremediavelmente marcado por uma arbitragem vergonhosa de Elmano Santos, num jogo que não era da Taça que ninguém Liga, mas sim para o campeonato, com clara influência no resultado, ficando claro porque razão Pinto da Costa prometeu a conquista do título, ele lá sabe o que faz.
   O jogo começou bem com velocidade e uma boa entrada em jogo do Porto, o qual através de uma recarga de Falcão chega ao golo. Mas o Leiria soube reagir e pouco tempo depois, na sequência de um livre lateral, chega ao empate e esse golo tirou descernimento ao Porto que tardava em encontrar-se, mas sem que nada o fizesse prever, Bruno Alves, após um pontapé de canto, faz o 2 a 1, com que se chegou ao intervalo.
    Na 2ª parte, o Leiria mostrou que estava ali para discutir o jogo e numa fase de parada e resposta, embora sem oportunidades, Ronny, num remate forte, mas feliz, desviado por Rodriguez, empata a partida e diga-se de passagem, com alguma justiça.
   Depois, bom, depois, começou o festival Elmano, começando por inclinar o campo, marcando livres laterais inexistentes a favor do Porto, depois, faz o 3 a 2, por Falcão, num lance em que Rolando se apoia completamente no defes leiriense para cabecear a bola, mas como a União de Leiria dava mostras de estar ainda viva, nada melhor que a matar de vez e então toca de expulsar o Guarda - redes adversário, num lance em que a bola chutada por Falcão, bate no rosto do guardião leiriese fora da área, Elmano marca mão e expulsa-o, mas o caricato da situação é que Djuricic, sangrava da boca, local onde a bola lhe embateu, mas Elmano sem contemplações dá vermelho. 
  Mas a verdade é que o jogo não ficou resolvido, o Leiria continuou forte, tentou tudo e depois de uma mão evidente de Fernando na área portista e consequente 2º amarelo e expulsão, Ronnie, infantilmente, bate muito mal a penalidade que daria um ponto à sua equipa, pelo que também houve culpas próprias pela derrota leiriense.
     Depois disto, fico curioso por ver agora se as reacções de portistas e sportinguistas que vi por causa de um Benfica - Nacional, pasme-se para a Taça da Liga, onde se disse de tudo e mais alguma coisa, se dos portistas não espero que assumam que este jogo teve clara influência da arbitragem, já dos Sportinguistas, estou curioso para saber se a sua histeria será igual, o que diga-se duvido, tal a sintonia existente.
Pela positiva, o facto de o jogo ter tido 5 golos, algo infelizmente cada vez mais raro na nossa Liga, pela negativa, a arbitragem de Elmano Santos, desastrosa e Ronnie por falhar o penalti que empataria a partida mesmo no fim do jogo.
Arbitragem de Elmano Santos, má muito má, já foi tudo dito.
Nota para o Braga, que venceu o Nacional por 2 a 0 e se duvidas houvessem, aqui fica o sinal de um candidato ao título, numa 1ª volta de reconhecido valor, com 36 pontos, tantos como o Benfica e pasme-se, apenas 6 golos sofridos em 15 jogos, o que demonstra bem a solidez desta equipa, num entanto, o seu calendário nesta 2ª volta não se afigura fácil, com deslocações aos terrenos de Benfica e Porto, a ver vamos, com vai ser  uma 2ª volta, que promete muita emoção, mas onde espero que a qualidade geral do futebol das nossas equipas melhor, mas julgo que isso será impossível, pois a mentalidade da maioria dos nossos treinadores não é de respeito para com o jogo, pois as equipas são normalmente moldada para que o adversário não jogue, do que propriamente para colocar as suas equipas a jogar, sendo o nosso campeonato, cada vez mais o verdadeiro " Catanaccio" dos campenatos europeus.

9 comentários:

Manuel Oliveira disse...

Caro Jotas, foi uma vitória justíssima! E viva "el conejo" Saviola. Que jogador!
Abraço.

troza disse...

O Benfica está de parabéns! A vitória hoje garante que, depois de dois jogos seguidos fora de casa, estaremos à frente dos andrades corruptos. Ganhar o outro é essencial pois o Porto joga em casa e mete uma pressão enorme para o proximo jogo do porto fora de casa!

Quanto ao Elmano Santos... acho que, por pior que tenha sido, foi só uma amostragem do pior que está por vir. Basta lembrar Jorge Sousa em Braga para saber que cá em Portugal são capazes de bem pior...

Quanto aos outros jogos... o Sporting parece estar a subir de forma! O que uns reforços não fazem a uma equipada desmotivada... Mas ainda bem que é assim por várias razões:

1 - Na pior das hipoteses, o Sporting vai ficar mesmo muito melhor... o que é bom. Benfica e Sporting em bom nível são mais dificeis de parar com jogo sujo e o dominio do futebol começa a vir para Lisboa de novo, embora repartido por duas equipas (sim, eu acredito que o Benfica desta vez vai mesmo ficar num nivel muito superior ao mostrado nos últimos anos). Depois só falta mudarem as regras da promoção da aberração que é a 2ª divisão b.

2 - Se for só sol de pouca dura, vai durar esta segunda volta toda. O Sporting joga em casa com o Porto e fora com o Braga e o Benfica. É capaz de ganhar qualquer um destes jogos mesmo quando não está bem, mas a ordem dos jogos é interessante: Braga, Porto, Benfica. Quando jogarem com o Benfica já podem ter ajudado o suficiente, tendo feito cair os adversários primeiro e ajudando o Benfica a criar vantagem, aumentando a pressão do Porto e do Braga e, consequentemente, fazer com que percam mais pontos e que o Benfica cresça em moral para um final de época memoravel. Aqui, se o Braga se mantiver em segundo pode começar a queda dos ranhosos do Porto. Juntando a isto uma má epoca do Sporting para o ano... Isto seria sem dúvida a melhor opção.

3 - A juntar à 2, é o Sporting começar a ter orgulho no que faz. Seria interessante que a maior parte dos Sportinguistas deixassem de ver o que o Benfica faz e de querer sómente o pior para o Benfica, mas procurar o melhor para o Sporting a todos os níveis. Os arbitros roubam muito a favor do Porto e nunca reagem... se é um erro a favor do Benfica cai o Carmo e a Trindade. Está na altura de se deixarem de contentar com o ficar à frente do Benfica e ir à Champions, mas sim lutar para reconquistar o segundo lugar nos clubes portugueses e atacar o primeiro (que, infelizmente, já não estão muito distantes).

(já agora, nem todos os lagartos são assim, mas os que são por acaso têm estado à frente do clube... tenho pena dos verdadeiros Sportinguistas... infelizmente não são assim muitos...)

Dylan disse...

Muito me honraria um comentário teu.

http://dylans.blogs.sapo.pt/24442.html#comentarios

Abraço.

garanhão plus disse...

Uma excelente vitória do Benfica no Rio - Ave, numa 2ª parte de grande nível, como disse JJ só um grande Benfica ali venceria.
O Porto venceu da forma e com a roubalheira que todos vimos, mas a conivência sportinguista é gritante e os seus paineleiros e escrivãs em diários desportivos nem sequer vão falar dessa arbitragem, ou pelo menos, não vão ser os peixeiros que costumam ser em relação ao Benfica, é o preço da subserviência.
Mas o mais curioso é que tudo acontece na semana em que o corruptor e não corrupto como alguns lhe chamam, pois o pagante era ele, disse à boca cheia que o Porto ía ser campeão e ficou evidente porque meios e o esquema está tão bem montado, que perante tamanho roubo, ainda vem o Jesualdo queixar-se do árbitro, é caso para dizer, que grande lata!
Mas o que mais me apraz registar neste glorioso caminho do Benfica é que os tripeiros provocadores que aqui vinham, desapareceram, devem estar à espera de algum milagre para voltarem, coitados.

carlos silva disse...

Não critiques o ronny pois foi o melhor jogador da uniao de leiria no dragão, de longe, marcou um golaço, fez uma assistencia e pronto bateu tao mal o penalty, como o cardozo bateu em guimaraes, ou o falcão contra o Sporting.Concordo com as criticas à arbitragem mas para mim nao há falta no terceiro golo, rolando salta bem mais alto, a expulsao é injusta e tem influencia no resultado, mas está longe de ser uma arbitragem ao nível dum benfica- Braga, ou de um benfica-nacional.é claro que o leiria poderia ter empatado, e secalhar até ter ganho e ficar com 10 nao ajudou.
Quanto ao meu Sporting o melhor jogo que os vi fazer este ano, exceptuando com a Fraca Fiorentina que para mim ainda jogaram melhor.Contudo 2 notas, onde tem andado este vuckcevic?Pelos vistos Carvalhal vai encaixar Veloso novamente À esquerda, quando se está mesmo a ver que se quiser está ali o extremo esquerdo do Sporting, Matias tem de jogar quer queiram quer não, quando entrou o jogo ainda foi melhor.Izmailov nao pode sair, tá na cara que é o melhor jogador do Sporting, e foi o melhor reforço de inverno.Gostei do Joao Pereira, e tenho pena que o pongolle já se tenha lesionado, pois assim ficamos sem opçoes para a frente de ataque.Sugiro uma dupla Vuck-Saleiro.

Quanto ao Benfica continua a viver dum grande jogador Saviola, o Cardozo anda a perder gás(como eu já tinha previsto), e o Di Maria tem dias.Ramires isso sim um jogador, e O Javi para mim já atravessou uma melhor fase.Aimar quando entrou viu-se futebol.O Benfica neste jogo ganhou bem, teve Sorte no momento em que fez o golo, mas mereceu a vitória, o Rio Ave na primeira parte desperdiçou 2 oportunidades que não se podem falhar.Aquele erro do lateral direito do Benfica tem de ser aproveitado, se estas equipas querem ganhar ao benfica.

tibi disse...

caro jotas!quando falas do elmano nao de podes esquecer que apesar de ter expulsado mal o guarda redes do leiria com o resultado 3 a 2 so tenho duas pequenas coisas a dizer,1-O segundo golo do uniao de leiria nem canto era mas sim pontape de baliza e deu golo,com o jogo em 3a2 falcao marca o quarto golo limpissimo e anularam no!é que o titulado flop do ataque do fcp de nome falcao fez 3 golos e so contaram 2!inda temos o azar do professor do mudo continuar a jogar com um guarda redes tao frangueiro que nem k defenda 10 penaltis o consigo perdoar pk sinceramente o lugar dele e no banco!quanto ao benfica acho pelo k vi k fizeram uma primeira parte pouco conseguida mas tambem por merito do rio ave.depois na segunda parte o benfica marcou logo aos 2 minutos e depois controlou o jogo todo,kto a mim ganhou bem pk marcou e dominou a segunda parte toda!faltaram argumentos ofensivos ao rio ave.o scp ta a crescer aos poucos e ha muito que nao se via um scp assim!o braga la esta continua forte e compacto!um abraço

tibi disse...

No domingo a minha maior alegria foi a vitoria do fcporto apesar de ter estado durante 80 minutos feliz da vida pk a seleçao de angola pais onde nasci e vivi tava a suspreender o mundo com uma surpresa de 4a0 aos estrelas malianos e eu pulava,festejava,batia palmas nunca tive tao feliz a ver um jogo como o ANGOLA VS MALI e depois fikei tao triste k apesar de o frangueiro do helton ter dado a vitoria ao fcp nao consegui ficar totalmente feliz!kero tb lamentar o que sucedeu em cabinda um enclave que enfrenta confrontos a mais de 30 anos para a libertaçao da provincia!manchou uma organizaçao ate entao sem macula!quero tb dizer que este can tem uma media de golos de 4 golos por jogo excepto o costa do marfim vs burkina e de referir tambem os imensos erros de todos os guarda redes que quanto a mim sao todos frangueiros ao nivel do frangueiro helton excepto o do egipto que o melhorzinho!saudaçoes tripeiras

Jotas disse...

Epá Tibi, até eu fiquei desiludido e chocado com o jogo de Angola, aquilo é impensável e inadmissível, a ganhar 4 a0.
O perigo agora é conseguir recuperar a equipa animicamente, vamos ver, eu tenho fé.
Um abraço.

Jotas disse...

Onde está a crítica ao Ronnie? Eu apenas disse que marcou mal o penalti, nem critiquei a sua exibição, apesar de o achar um jogador banal, mas nem sequer comentei isso, destaquei-o negativamente, porque o lance foi decisivo para o resultado e el falhou num momento crucial nada mais.
Falas o Benfica - Braga do ano passado? Bom e o Braga - Porto? e o Benfica - nacional e o Leixões - Benfica, e o Porto - Benfica, etc, etc, etc,?
Curioso que nunca te vi criticar uma arbitragem em benefício do Porto, se calhar nunca foi beneficiado.

 

SEMPRE BENFICA

Loading...
Adaptado por Blogger Benfiquista