segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

COMO SE GANHA A HEGEMONIA NO FUTEBOL - O desabafo de um portuense

---- Para quem vive no Porto, como eu, conhece toda esta gentinha. Vivem e sonham com a grandiosidade do SL Benfica. Graças a discursos inflamados, desde o tempo do falecido Pedroto, criaram um fundamentalismo doentio que visa abater o Benfica. Colocam emissários em todo o lado: aparelho judicial, política, jornalismo, etc...Mas a verdade é como o azeite, um dia virá à tona... E quão magnífico será esse dia!
Esta frase não é minha, é feita por alguém que vive naquela cidade e conhece os visados. Fica à vossa consideração.

11 comentários:

Maestro disse...

A VERDADE MAIS VERDADEIRA DE TODAS


Quero estar vivo nesse dia...

Abraço Jotas

águia_livre disse...

Mas é alguma mentira?

Não, não é.

Um abraço
.

Sou de um Clube Lutador disse...

Os discursos inflamados do clube com as t-shirt's riscadas de azul, sempre foram aclamados de pé pelos seus discipulos. Por isso é que são pequeninos e a imagem que passam é que são totalmente regionais. As AG's deles há uns anos atrás, faziam-me lembrar sessões de hipnotismo, em que as pessoas, parecendo absorvidas pelo discurso, batiam palmas como se não houvesse amanhã, mesmo que o orador dissesse barbaridades e coisas fora da realidade. Não conseguem ter a Nossa Grandeza e o que fazem...tentam abater-nos para ficar a reinar. Depois entram em comparações impossíveis e ridiculas, valorizando-se pelos defeitos dos outros.

Forte abraço Jotas

garanhão plus disse...

Aí está a verdade nua e crua, quem quiser que enfie a carapuça

margaridabenfiquista disse...

ESSA É A VERDADE
..

carlos silva disse...

nao sei se o post é o indicado, mas vou fazer aqui um comentário sobre o que eu penso da arbitragem, e da posiçao que decidi tomar.

pois bem, penso que a arbitragem no global é um orgao que esta sem credibilidade nenhuma, e que o senhor vitor pereira so tem um caminho sair.Concordo e bastante com as afirmações do sporting a pedir a demissão, bem como do braga, independentemente das implicações desportivas que isto possa vir a provocar.E estranho depois das declarações que foram feitas e das atitudes que foram tomadas, que tanto benfica e porto nao venham pedir a mesma coisa.
Soube agora que vitor pereira castigou e de que maneira pedro henriques por causa de 1 lance discutivel, e pelo qual foi durante todas dias e dias discutido, e pelo qual ele proprio foi descredibilizado como pessoa, dado o que foi dito, nem houve defesa de vitor pereira, como houve e publicamente de outros arbitros, como esteve 35 dias sem dirigir jogos, e sem lhe dar uma palavra, nomeando-o agora para a taça, aquele que eu considero a par de jorge sousa o melhor arbitro portugues.Depois dos sucessivos erros de nomeações(as quais sou contra, tal como o sporting é)e das declarações proferidas, so lhe resta um caminho pedir a demissão.Já agora quero deixar um progonostico de arbitro para benfica-porto, ou sporting-benfica num desses 2 jogos o pedro henriques poderá apitar nao tenho duvidas.
Agora quero deixar que a partir de hoje que posição vou tomar, tanto a qui como na rua, como em todo o lado vou deixar de falar de arbitragem, e so irei falar quando houver 2 ou 3 lances decisivos que alterem definitivamente o decurso do jogo e para alem disso o clube em causa nao tenha merecido ganhar.Sei que vou ser apenas 1, mas vou deixar de o fazer porque acho que esse é o caminho para os arbitros melhorarem.

Quero aqui também dar uma noticia, mesquita machado demitiu-se e muito bem das suas funções tal como o benfica e o proprio sporting deram a entender que era o mais acertado a fazer, e mostrou que nao esta agarrado ao lugar.Prometeu amanha pelas 17 horas dar uma conferencia de imprensa, pela qual vou esperar para ver o que diz, sinceramente estou bastante curioso, porque ele prometeu fazer revelações bombasticas.

Vou tambem deixar falar de questoes da imprensa , e do que lançam e o que nao lançam pois se formos honestos conseguimos interiorizar para nós e ver o que se passa à volta, e não é preciso revelarmos cá para fora.Sei que vou ser apenas 1 mas vou tentar deixar de comentar tanto arbitragem(a nao ser escandalosa, e indiscutivel)e imprensa de vez, falando apenas do jogo jogado.

E pelo jogo jogado, esta semana o benfica mereceu empatar, o sporting aceita-se o empate, mas sejamos honestos(sem ser verdes de olhos)o sporting criou mais opurtunidades jogou melhor, e a sair alguem vencedor seria o sporting.E para mim o porto mereceu ganhar.Nos proximos comentarios as jornadas, vou apenas falar de futebol e na minha vida social igual.

Carlos Saraiva disse...

"Para quem vive no Porto, como eu, conhece toda esta gentinha. Vivem e sonham com a grandiosidade do SL Benfica. Graças a discursos inflamados, desde o tempo do falecido Pedroto, criaram um fundamentalismo doentio que visa abater o Benfica. Colocam emissários em todo o lado: aparelho judicial, política, jornalismo, etc...Mas a verdade é como o azeite, um dia virá à tona... E quão magnífico será esse dia!"

Caro Jotas, vamos por partes. Primeiro quero mostrar a minha indignação (utra vez) pela forma como é tratada a gentes do Porto da qual eu tenho a honra e o orgulho de fazer parte. Pena que a BESTA que escreveu esta magnifica afirmação não esteja identificada, mas provavelmente trata-se de um frustrado que, no fundo, adorava ter nascido na MUI NOBRE E SEMPRE LEAL CIDADE INVICTA.

Carlos Saraiva disse...

Segundo ponto: Eu que sou nascido e criado no Porto, logo convivo com portistas desde que me lembro de ser gente, tenho para mim uma interpretação diferente.
O FC Porto e os seus adeptos não estão preocupados com a grandeza do SL Benfica, nem se sentem inferiores quando chamados de clube regional. O que faz o FC Porto grande é precisamente essa identificação com a região é isso que lhe dá força. Creio que o FC Porto não é, nem quer, ser um clube nacional, da dimensão do Benfica, porque nesse dia perderá precisamente o que lhe deu força.
O que alimenta o fogo da paixão portista é o facto de sentirem eles próprios que com o seu estatuto regional, conseguiram a nível internacional tornar-se no maior clube português a nível de título conquistados e estão convencidos que faram o mesmo dentro de portas, mais ano menos anos, mais década menos década.
É isto que dá força ao FC Porto e quanto mais estes pontos são atacados pelo Benfica, mais forte ele se torna. Para mim trata-se de uma estratégia errada do maior clube português, que despreza o seu maior adversário, sem saber que daí ele tira energia para continuar a vencer.
Só quando os dirigentes do Benficam perceberem isto é que conseguirão efectivamente combater o FC Porto com eficácia.
Mas esta, claro, é só a minha opinião.

http://chutodeletra.blogspot.com/

Ricardo disse...

Concordo com o Carlos Saraiva, na forma como disserta sobre as reais intenções e motivações dos portistas.

O Benfica deve olhar de forma séria para a ameaça que o clube já é, em termos de palmarés. Ou nos organizamos em torno de uma ideia unida e colectiva ou seremos ultrapassados.

A grandeza do Benfica é, por si só, demasiadamente autofágica.

Bruno Pinto disse...

Este comentário é das coisas mais imbecis que vi ultimamente! É esta a palavra: IMBECIL! Espanta-me, ou talvez já não, é que seja transformado em post.

Nasci bem no coração da cidade do Porto, estudo lá, adoro a beleza e magia da cidade e não admito que um energúmeno qualquer venha falar por mim ou pelos adeptos do FC Porto. Por vezes, é difícil de entender o grau de ignorância de certa gente.

O FC Porto não está preocupado com a grandeza do Benfica (que é, de facto, em termos de implantação nacional, o maior clube, fruto da sua hegemonia passada), nem os portistas têm qualquer fundamentalismo doentio em relação ao Benfica. Aliás, o Benfica tornou-se, nas últimas décadas, um clube quase irrelevante para o FC Porto; a partir do momento em que o FC Porto consegue estar ao melhor nível, é quase impossível que perca, daí que a nossa competição tem sido connosco próprios. Penso até, este tipo de posts e alguns dos comentários que se seguiram, mostram bem que o fundamentalismo existe, mas ao contrário.

Quando se diz que o FC Porto é um clube regional, isso não nos minimiza nem ofende. O FC Porto, apesar de cada vez ter mais adeptos espalhados pelo país inteiro, continua a identificar-se fortemente com a região em que se insere e isso não nos retira força, pelo contrário. O Barcelona também é, nesse sentido, um clube regional e ai de quem lhe retirar essa identidade. O FC Porto caminha a passos largos para igualar e ultrapassar o palmarés nacional do Benfica. O FC Porto é, hoje, o clube português mais reconhecido internacionalmente, detendo já igualmente o melhor palmarés internacional (não me venham falar de finais perdidas). O FC Porto, sendo claramente o clube mais odiado e temido em Portugal, sente-se mais forte de cada vez que é atacado e o tentam abater.

Além de desrespeituosos e imbecis, certos comentários não primam pela inteligência. Sem querer, alguns anti-portistas, ávidos por abater e denegrir o FC Porto, vão-lhe transmitindo cada vez mais força. Não tarda, a grandeza do Benfica, que é real, resumir-se-á a memórias longínquas, ao número de adeptos e ao tamanho do estádio. Ser maior? Não. Melhor!

Jotas disse...

julgo que imbecil é não ver a verdade ali tão perto.
Volto a referir para os mais sensiveis, isto não é para os cidadãos portuenses, é apenas para quem quiser enfiar a carapuça, infelizmente muitos já enfiaram, sinal de que quem escreveu o que aqui coloquei, tem toda a razão.
Tenho visitado imensos blogs, do meu clube, de outros clubes e quando há algo escrito que ofende os benfiquistas e muitas ds vezes os lisboetas, não ofendo o autor do blogue ou coisa parecida, limito-me a rebater o que acho que não é verdade e a admitir o que é verdade, maneiras de estar, pena que nem todos tenham essa capacidade de encaixe.

 

SEMPRE BENFICA

Loading...
Adaptado por Blogger Benfiquista