segunda-feira, 6 de julho de 2009

ELEIÇÕES NO BENFICA - e outros momentos SLB

--- Decorreram num ambiente algo conturbado, as eleições no Sport Lisboa e Benfica. Foi um acto eleitoral dos mais concorridos de sempre, com um resultado esmagador de Luís Filipe Vieira e que não deixa dúvidas a ninguém, ou melhor, a quase ninguém, excepto a meia dúzia de energúmenos.
Este importante acto da vida do Benfica, nasceu torto, com uma antecipação desmedida por parte dos órgãos sociais do clube, facto esse que legitimamente causou muita indignação e veementes protestos por parte dos seus opositores, nada mais normal
Anormal, parece-me a mim, é alguém dizer que gosta do clube e andar constantemente a atentar contra o mesmo em Tribunal, atrasando e mandando para a lama o nome do clube que estranhamente dizem ser seu. Julgo que se efectivamente existe uma oposição credível e forte, esta deve tentar fazer valer os seus intentos dentro das paredes do clube, nomeadamente com assembleias gerais extraordinárias, as quais só por si, têm poder suficiente para poder fazer cair uma direcção, pelo que estranho, que alguém que se diz tão conhecedor e tão benfiquista, não conheça sequer os próprios estatutos do clube e tudo faça para o parar, é assim com Bruno Carvalho, o qual, não passa de um pseudo-benfiquista, tem tanto de benfiquista, como eu de portista, não me admirando que ande ao serviço de forças alheias ao clube.
Como pode um ferrenho adepto portista, dizer agora que é benfiquista e que com ele o Benfica, blá, blá, blá? Alguém no seu perfeito juízo acredita neste aventureiro de meia tigela?
Mas o mais estranho é que a besta, com tamanha derrota eleitoral, em que até os votos brancos, foram o dobro da sua votação, ainda se ache com capacidade moral para reivindicar seja o que for, será que não viu, que os benfiquistas lhe deram um pontapé no traseiro e o devolveram à procedência? Será, que é assim tão burro e parvo, que com apenas 2, 40% dos votos e após a estrondosa resposta dos adeptos encarnados, ainda se acha no direito de falar em seu nome? Enxergue-se e cale-se, era um favor que fazia a todos, principalmente a si mesmo, sob pena de começar toda a gente a pensar, que o seu problema é de foro psicológico e com necessidades urgentes de tratamento.
Lamentável, que este homem, tenha do votar com polícia e segurança privada, só demonstra que sabia perfeitamente que estava a atacar o Benfica e que os sócios não estavam consigo, caso contrário para que tanto espalhafato? Lamentável ainda que após estrondosa derrota, ainda ache que tem qualquer pingo de legitimidade para falar em nome dos benfiquistas.
Virando a página e falando de coisas melhores, o Benfica regressou ao trabalho, julgo que com um treinador competente e com um bom plantel. Urgente agora, é o Benfica cimentar uma estrutura forte por trás, que consiga unir e incentivar o plantel, protegendo o treinador e jogadores, embora se saiba que em Portugal, para se ganhar, não basta ser melhor, pois as movimentações de bastidores são muitas e estranhas e tenho pena que Bettencourt entre também ele na onda do populismo para com os seus adeptos, virando-se para o Benfica, em vez de atacar o verdadeiro podre. Eu sei que para se ser popular no Sporting e para puxar pelos seus adeptos há que falar do Benfica, mas acho é estranho que não vejam, que enquanto assim for, vão continuar a ganhar pouco ou nada, pois os que verdadeiramente dominam o nosso futebol, com manobras mafiosas continuam a rir-se por um clube que tanto têm lesado, ainda os defender e admirar, algo que ainda por cima os deixa orgulhosos. Enfim.

Sem comentários:

 

SEMPRE BENFICA

Loading...
Adaptado por Blogger Benfiquista